Oi gente linda!!!! (ஐ╹◡╹)ノ

Vamos de Addicted hoje! Yay!!! 6((((≧▽≦))))9

Uma notícia chatinha: A Sae realmente teve sua conta excluída do Wattpad sem possibilidades de recuperação, mas felizmente ela tinha postado a maioria dos capítulos no Tumblr dela e também está planejando criar um blog para continuar as postagens (se for preciso, eu ajudo ela no que puder. ^^). É isso. Ainda bem que não vamos ficar sem Addicted. hehehe
A notícia boa: SaeHan tentará entrar em contato com a própria Chai Jidan para pedir uma permissão oficial para traduzirmos Addicted (e no meu caso, Counterattack e Advanced Bravery também). Se tudo der certo, ninguém mais poderá reclamar de nossas traduções. \o/ hehehe Agora é torcer para ela conseguir. ^^ Agora vão ler. hehehe

Um bom domingo pra todos! ~(≧◇≦)/゙゙゙゙

Beijos~        
Lena.
Beijin do ZZ. (♥ω♥ ) ~♪
______________________________________________________


Cap. 134: Dormindo o passar do tempo.



Enquanto o sol baixava, a noite caiu no quarto como uma cortina pesada escondendo tudo. A escuridão que varreu este espaço confinado engoliu cada objeto à vista enquanto tomava o controle. A ausência de luz era tão completa que nem mesmo as sombras sobreviveram.
E na escuridão desta noite notável, a inquietação continuava viva e contorcia suas mãos indesejadas para o corpo tenso de Bai Luo Yin. A inquietação se enrolou seguramente em volta do corpo aparentemente quebrado enquanto ele continuava se remexendo e virando na cama. Várias vezes, seus movimentos eram tão amplos que puxavam Gu Hai de seu sono imediatamente.
Com olhos cansados, Gu Hai chamou por Bai Luo Yin timidamente. Mas, no fim, não importava quantas vezes seus lábios soassem aquelas três sílabas, apenas o silêncio o cumprimentava de volta. Logo ele descobriu que Bai Luo Yin não havia acordado. Gu Hai puxou o cobertor que envolvia seus corpos em calor, puxou-o até os ombros deles dois e gentilmente colocou o braço exposto de Bai Luo Yin de volta para baixo do cobertor.
Um momento depois, não só Bai Luo Yin se moveu de repente de novo como seus olhos também abriram.
“Por que você não está dormindo?” Gu Hai perguntou.
Bai Luo Yin estava totalmente em transe. Aqueles olhos terrosos estavam matizados com trevas enquanto suas mãos exploravam e investigavam por baixo do cobertor. Como se afetado por alguma força misteriosa, elas procuravam, caçavam algo.
Sonambulismo?
Gu Hai pensou que isso era um pouco engraçado. Sua mão alcançou e gentilmente pousou na cabeça de Bai Luo Yin antes de acariciar o cabelo dele suavemente.
Um ligeiro senso de pânico e nervosismo penetrou os olhos de Bai Luo Yin. Eles se arregalaram, muito mais que o normal, de modo que qualquer um que olhasse para eles ficaria, indubitavelmente, morto de susto.
Pouco tempo depois, sua cabeça, que estava baixa, levantou. Como se presos por um feitiço, vários fios de cabelo se agitaram no ar, dançando selvagemente no silêncio da noite, antes de grudarem na testa dele.
“Baobei, o que você está procurando, ãh?”
Gu Hai pressionou Bai Luo Yin suavemente de novo.
Enquanto Bai Luo Yin fechava seus olhos, suas sobrancelhas se uniam. Aquelas linhas entre as sobrancelhas dele ficavam paralelas umas às outras, e esta oposição perpétua de comprimento criou uma inquietude visível e excitou um grau de impaciência que as induziu a se separarem. Induziram ele a formar, em sua estatura impressionante, uma expressão atordoada.
Ele balbuciou algumas palavras incoerentes em sussurro que Gu Hai particularmente não podia desvendar.
Em segundos, as mãos dele começaram a procurar, caçar de novo em angústia, embaixo do cobertor. Várias vezes as mãos dele bateram de forma bem severa na barriga de Gu Hai.
O que tem de errado com esse garoto hoje?
Perplexidade lentamente fez seu caminho para dentro do peito ligeiramente apertado de Gu Hai, enquanto ele procurar ao toque o ombro de Bai Luo Yin. Como se fosse sua segunda natureza, ele permitiu que sua mão ternamente desse tapinhas no ombro do garoto, suavemente, amorosamente. Ele prolongou esses movimentos adoradores até sentir que o próprio Bai Luo Yin tinha, gradualmente, se acalmado, mesmo que só um pouco.
Depois que Gu Hai acariciar o ombro dele mais algumas vezes, sentindo que a respiração de Bai Luo Yin havia lentamente se tornado um pouco mais uniforme e seguia o mesmo ritmo de sua própria respiração, ele colocou seu braço de volta para dentro do cobertor.
Porém, inesperadamente para sua própria surpresa, a mão de Bai Luo Yin agarrou firmemente a mão dele, como se estivesse indisposto a soltar mesmo em seu estado visivelmente inconsciente.
Depois de um tempo, Gu Hai se virou para Bai Luo Yin. Seus olhos se agitaram no quarto escuro e absorveram cada detalhe que fazia ele, Bai Luo Yin, ser quem ele era. Sua voz suavizou, quase um sussurro inexistente, “Yin Zi, estou bem aqui.”
E neste exato momento, como se uma promessa fosse feita, o corpo de Bai Luo Yin relaxou de repente. O relaxamento se estendeu até a ponta dos pés dele, fez seu caminho passando pela barriga dele, e andou lentamente, mas certamente, para as pontas dos dedos dele. Mal se pode perceber quando ele falou um ‘sim’. Era vago, mas ressoou neste espaço silencioso. E foi desta forma que os movimentos dele pararam.
Mas então, foi Gu Hai que sentiu um leve latejar em seu peito. Como se tivessem fios invisíveis puxando seu coração, ele se apertou exponencialmente e permaneceu naquele estado por um longo tempo.
Ele, sem dúvida, precisava tanto de você... se importou tanto com você...
Por que você não sentiu isso antes... em um momento ainda mais cedo?
Se você tivesse dado a ele um pouco mais de paciência e confiança, como poderia aquele curso de evento, aquele tipo de dor... aquele tipo de sofrimento, acontecer entre vocês dois?
.......... Gu Hai continuou a criticar duramente a si mesmo.
Felizmente..... por sorte, ele percebeu agora. Não é tarde demais. Eles ainda têm um longo caminho diante deles, um por onde eles podem caminhar juntos. Ele ainda pode amá-lo, por um longo tempo, por um longo, longo tempo.... amá-lo, mais do que nunca......
Gu Hai colocou sua mão nas bochechas quentes de Bai Luo Yin, seus dedos suavemente sentiram a pele macia sob eles, acariciando-a. seus olhos focaram devotamente enquanto ele olhava obsessivamente para Bai Luo Yin. Ele estava apaixonado, alucinado, como se enfeitiçado por algum tipo de encantamento mágico...... não importava o quanto ou quantas vezes ele olhasse, ele encarasse, nunca era suficiente. Ele olhou até suas pálpebras ficarem pesadas de sono, até que ele não pudesse mais retardar a sonolência de infiltrar sua mente.
____
Este torpor durou entrando a tarde do dia seguinte. Fazia um longo tempo desde que os dois tiveram uma boa noite de descanso. Hoje, como eles finalmente conseguiram essa grande oportunidade, o que mais deveria ser feito além de dormir?
Gu Hai acordou primeiro. Depois de ter acordado completamente, ele deu uma olhada mais de perto no alarme e o colocou de volta no lugar.
Ainda atordoado, Bai Luo Yin olhou para Gu Hai e perguntou, “Que horas são?”
“Ainda é bem cedo. Acabou de fazer quatro horas.” [N/T: ele acha que são 4 da madrugada XD]
O braço de Gu Hai serpenteou o caminho pelas axilas de Bai Luo Yin, agarrou a costa dele e o puxou de encontro a seu próprio corpo.
Os olhos sonolentos de Bai Luo Yin estreitaram quando ele se virou e olhou rapidamente para fora antes de murmurar, “Como pode ser só quatro horas, já não está um pouco claro lá fora?”
“Talvez tenha nevado.”
Assim que ele ouviu a palavra “neve”, a sonolência de Bai Luo Yin imediatamente aumentou em dez vezes. Quando neva, é a melhor hora para estar dormindo. Com este pensamento nadando em seu cérebro, sua mão caiu de volta no travesseiro macio e ele procedeu a dormir mais um pouco!
Por volta de seis horas, Gu Hai olhou para fora de novo. O céu ainda estava escuro! Por que parece que nós dormimos mais do que uma noite inteira? Porra, dormi por tanto tempo que meu estômago está gritando de fome.
Relutante em desistir do calor do cobertor, Gu Hai, mais uma vez, caiu em sono profundo.
Finalmente, Bai Luo Yin acordou com a necessidade de urinar e, não tendo outra escolha, ele se arrastou sem vontade para fora do cobertor. Ele andou lenta e preguiçosamente para o banheiro. No tempo que ele passou pela janela de novo, o céu noturno estava preto como breu como estava antes.
Bai Luo Yin lembrou claramente que, quando ele foi dormir, passava só um pouco de uma hora. Ele até lembrou de ter sonhado várias vezes depois disso, então por que o céu ainda não tinha clareado? Ele fez seu caminho de volta para o cobertor aquecido, pegou o despertador e olhou para ele. Já eram oito e meia. De acordo com raciocínio básico, o sol já deveria ter nascido. Mesmo que fosse um dia nublado, não seria provável que estive completamente escuro assim, certo?
Um pressentimento sinistro de repente dançou dentro da cabeça de Bai Luo Yin enquanto ele pegava o celular e olhava para ele.
“20:26”
A noite já havia descido sobre eles novamente; a primeira rodada de sono já passara rapidamente. Seus olhos espiaram o porco deitado ao lado dele, completamente inconsciente e ignorante até ao mínimo som. Essa pessoa dormia mais profunda e pesadamente do que ele tinha dormido. A cabeça de Bai Luo Yin caiu de volta no travesseiro. Ele rangeu os dentes enquanto a sola de seu pé bateu na cama macia.
Esqueça isso, só aguente um pouco mais.
Se ele ficasse acordado neste momento, ele não seria capaz de voltar a dormir depois. Ele podia muito bem, duramente, sem uma preocupação sequer, dormir até amanhã de manhã. Ele absolutamente não deveria interromper o trabalho de seu próprio relógio biológico.
No fim, foi Gu Hai quem não pode mais aguentar. No meio da noite, ele rastejou para fora da cama. E, assim como um ladrão encoberto pela escuridão, ele foi sentindo seu caminho até a cozinha. Ele abriu a geladeira e seus olhos vagaram por ela procurando algum tipo de substância, mas não tinha nada. Em desespero, ele revirou tudo e procurou cuidadosamente com olhos afiados. Finalmente ele encontrou dois pacotes de macarrão. Ele procedeu para cozinha-los, adicionou alguns temperos e cobriu com algumas finas fatias de tubérculo de mostarda em conserva. Em segundos, ele enfiou o macarrão na boca, devorando-o como um animal esfomeado.
Os humanos, uma vez que ficam privados de comida por um período de tempo e ficam extremamente famintos, qualquer coisa se transforma do prato mais delicioso do mundo.
Quando Bai Luo Yin fez seu caminho para a cozinha, Gu Hai estava devorando vorazmente a comida a sua frente. Gu Hai colocou o último apanhado de macarrão do kuòzi em sua boca e mastigou. Ele estava prestes a pegar a tigela e beber a sopa quando ele viu a figura de Bai Luo Yin na porta da cozinha.
Bai Luo Yin esperou ansiosamente, um tipo de necessidade escrupulosamente se desenhou nos olhos dele enquanto ele encarava Gu Hai diretamente, “Me dê uma tigela.”
O pomo-de-adão de Gu Hai se mexeu para cima e para baixo por alguns segundos. Depois do que pareceu um longo tempo, ele respondeu, “Não sobrou nada.”
Bai Luo Yin engasgou em sua própria saliva, lágrimas aparentemente se formando em seus olhos enquanto uma dolorosa expressão se formava no rosto dele.
Um sorriso bem envergonhado apareceu no canto dos lábios de Gu Hai, “Eu pensei que era o único que estava morrendo de fome no meio da noite e não conseguia dormir. Provavelmente porque, nos últimos dias, eu não comi nada, então hoje meu apetite de repente voltou com tudo. Comer metade dos dumplings de arroz glutinoso não fizeram muito efeito pra mim. Eu... se eu soubesse que você não estava cheio também, eu teria guardado uma tigela pra você. O céu está prestes a clarear a qualquer momento já. Você... só aguente um pouquinho mais.”
Filho da puta, eu já aguentei a porra do dia inteiro.
Claramente machucado, a cabeça de Bai Luo Yin baixou e, com uma aparência desanimada, ele voltou para o quarto.
No fim, sentindo-se bem culpado, Gu Hai vestiu umas roupas e dirigiu por várias ruas no meio na noite. Ele procurou até que eventualmente encontrou um restaurante vinte e quatro horas. Ele comprou alguns acompanhamentos e se apressou de volta para Bai Luo Yin.
______
Cedo na manhã seguinte, ou para ser mais preciso, cedo na manhã do terceiro dia, Gu Hai levou Bai Luo Yin com ele para a base do exército. Depois de dormir por mais de vinte horas, a energia deles foi revitalizada. Tanto que eles dois sentiam-se excepcionalmente animados. Se eles fossem colocar aqueles uniformes militares e entrassem em procissão com a tropa, eles definitivamente não pareceriam inferiores àqueles outros soldados.
Bai Luo Yin acompanhou Gu Hai até a área da base militar onde os dormitórios eram situados. No caminho até lá, eles esbarraram em vários veteranos militares que, todos, cumprimentaram Gu Hai.
Uma pessoa em particular intencionalmente parou, olhou para Bai Luo Yin várias vezes e perguntou para Gu Hai, “Quem é esse?”
Gu Hai chutou a panturrilha daquela pessoa e, com uma voz severa, ele gritou com ele para liberar o caminho.
“Por que você se importa com quem ele é, heim? Vá fazer seja lá o que for que você tenha que fazer!”
Os olhos daquela pessoa em particular se arregalaram enquanto ele inspirava ar frio para seu sistema circulatório. Ele até deu mais uma olhada em Bai Luo Yin enquanto baixava sua cabeça e saía.
Bai Luo Yin podia ver a força na conduta arrogante e tirana de Gu Hai. Ele até pensou que Gu Hai estivesse mostrando intencionalmente sua indução de temor e reverência na frente dele. Ele não podia evitar de implicar, de ridicularizá-lo.
“Você realmente tem jeito para ser o filho do general!”
“Não, não é isso, você não notou a expressão nos olhos dele quando olhou pra você?” Gu Hai disse calmamente.
Bai Luo Yin não prestou atenção nenhuma.
A mão de Gu Hai se estendeu ligeiramente e empurrou a cabeça de Bai Luo Yin por alguns segundos e, com as palavras mais significativas e sinceras, ele disse, “Garoto idiota, seja um pouco mais esperto, okay. Homens podem mudar depois de entrarem no exército. De dez caras, sempre terá um que é ‘daquele jeito’.”
“Entendo! Não admira. Antes, você ficava aqui o tempo todo!”
Gu Hai não ouviu o significado oculto nas palavras de Bai Luo Yin. E ele até soltou um riso abafado para si mesmo, “Isso é porque você me deixou com raiva.”
“Eu deixei você com raiva, então você correu pra cá para encontrar a probabilidade de um a cada dez?”
“Seu filho da.....” Gu Hai de repente olhou para o traseiro de Bai Luo Yin e o chutou ali, “Além de você, eu não sou nem um pouco atraído por nenhum outro cara.”
Enquanto os dois discutiam, sem perceber, eles finalmente chegaram no quarto onde Gu Hai residiu anteriormente.
“Entre.”
Depois de entrar, os olhos de Bai Luo Yin varrerem todo o interior do quarto. Ele ficou um pouco aturdido, tudo ali dentro era bem organizado e limpo; nem mesmo um pedaço de migalha no chão. O cobertor estava dobrado perfeitamente em uma forma retangular e o lençol da cama estava puxado firmemente em volta da cama, de modo que nem mesmo uma ruga podia ser vista.
Ver tamanha organização fez ele lembrar da cama no apartamento deles. Então ele lembrou do ambiente de sua própria família. Seu coração não podia evitar de suspirar um pouco.
Será que esse trabalho estilo soldado depende da situação?
Gu Hai pode perceber os pensamentos mais internos de Bai Luo Yin, então ele especialmente deu uma concreta explicação para o garoto, “Um guarda bem diligente limpou o quarto.”
Bai Luo Yin assentiu com a cabeça pensativamente, uma ideia se formando em sua mente, “Que tal você convida-lo para a nossa casa também?”
“Você se atreve!”
Gu Hai pegou uma arma e apontou para a têmpora de Bai Luo Yin. Mas, como ele não sabia se ela estava carregada ou não, Gu Hai manuseou a arma fria com extremo cuidado, com medo que ela pudesse disparar.
Bai Luo Yin pegou a arma, colocou-a deitada em sua própria mão e começou a mexer com ela por um curto tempo. Esta era a primeira vez na vida dele que Bai Luo Yin sentia uma arma de verdade. Era difícil evitar a empolgação e a emoção que vieram com o ato de segurar um objeto tão poderoso. Ele a levantou, apontou-a para a janela e puxou o gatilho.
Apenas o som de ‘BANG!’ ecoou pelo quarto.
Rachaduras em teia apareceram de repente na superfície do vidro.
Naquele momento, Gu Hai estava empacotando seus pertences e, no segundo que ele ouviu o som do disparo, medo rapidamente tomou conta de seu rosto.
Realmente tinham balas aí huh?
Felizmente, Bai Luo Yin não usou ele como um alvo de tiro. Aquele tiro..... foi bem inesperado.
Bai Luo Yin colocou a boca da arma em direção a si mesmo e examinou os detalhes internos dela. Esta ação assustou Gu Hai fazendo seu coração falhar. Ele rapidamente puxou o cartucho de munição antes de se virar para encarar Bai Luo Yin.
“Primeiramente, não brinque mais com isso. Depois eu vou conseguir uma arma ainda melhor pra você.”
“Eu não quero.” Bai Luo Yin bateu as mãos em suas próprias pernas e se levantou. Seus olhos olharam em volta do quarto para vários itens que ainda permaneciam parado e silenciosos.
“Por que você não quer?” Gu Hai perguntou.
Bai Luo Yin franziu os lábios e riu enquanto diversão manchava lindamente suas bochechas, “Tenho medo que, um dia que não aguentar mais, eu vá atirar em você.”
*****
         HUAHAUHAUAHUA Yin Zi foi tão eu nesse final. hueheuheuheu *quase brincadeirinha XD*  (灬º 艸º灬)

31 Comentários

  1. Respostas
    1. De nada, Sérgio. ^^

      Eternoviciado, estou bem, obrigada! ^^

      Excluir
    2. Lena muito obrigado por estar traduzindo essa novel,eu amo addicted e preciso dela na minha vida por favor não pare de traduzir amo você,quando sai o capitulo 135 ??? precisooooo

      Excluir
  2. MEU DEUS EU N AGUENTAVA MAIS TODO DIA ENTRAVA NO SITE E LI DNV DNV ATÉ QUE SURGIU esse cap <3 (com esse final espero que o guhai fique pensativo e sofra bastante pq N perdoei ainda ah! Estou adotando uma visão meio de yin zi e esquecer que o cap 127 foi real mas isso não dá muito certo o ódio ainda existe então momentos como esse eu quero que isso guhai sofra o purgatório em terra <3 EU ACHO QUE REALMENTE ESTOU VICIADO

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. huahauhauahuahuahau Se acalme, o pagamento virá. hohoho

      Sim!!! Estamos todos super viciados!!!! \*O*/

      Excluir
  3. Yin zi sou eu na vida!!! Obrigado pelo cap, e boa sorte com a permissão para as traduções, estou na torcida! :3

    ResponderExcluir
  4. Espero que esses ep amorzinho durem bastante, pq sei que lá pra frente tem mais treta :( E espero também que a Sae consiga de verdade

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lembrar que vem mais treta desanima tanto :c mas saber que tem um final feliz acalma o coração hehe

      Excluir
    2. Se não tiver umas tretas uma vez ou outra também perde a graça, né? hueheuheuheue >w<

      Excluir
  5. ESPERO QUE CONSIGA A PERMISSÃO ISSO TENHO CERTEZA DEIXARIA TODOS NÓS FELIZES!!! FIGHTING!

    ResponderExcluir
  6. Eu não entendo o porque de proibirem as traduções, se eu fosse a escritora ficaria muito feliz que mais pessoas de paises diferentes estão podendo ler e amar estas histórias, e sempre é explicado que é uma tradução colocando o nome da autora, realmente não dá para entender.
    O capitulo foi bem fofinho pena que foi pequeno, muito obrigado Lena e vou torcer muito para que vc consiga a permissão assim não corremos o risco de ficar sem nossos lindos.bjsss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O pior é que não é nem a autora que tá reclamando... É algum "fã" egoísta que denuncia... A autora tá nem aí. hahahaha Como vc disse, ela só tem a ganhar. Já imaginou se ela decide vender a novel pra ser traduzida no Brasil? Aposto que milhares de fãs iam querer comprar, mesmo quem já tivesse lido por aqui. =D
      Pequeno? Esse capítulo foi enorme! huahuahauhauahua Parece pequeno pq aconteceu pouca coisa. Eles dormiram quase o capítulo inteiro. kkkkkkkk
      Beijosss

      Excluir
  7. Boa sorte a vcs duas Lena ..
    ٩(^ᴗ^)۶
    Adorei, obrigada Lena!
    0^◇^0)/

    ResponderExcluir
  8. Que capitulo vamos dizer nao aconteceu nada dormiram o capitulo inteiro deu ate sono kkkkk. Vlw Lena !!!

    ResponderExcluir
  9. e realmente como eles dormiram o capitulo inteiro pareceu pequeno mas eu adorei assim mesmo.

    ResponderExcluir
  10. E a outra novel que ela estava traduzindo? Eu tava acompanhando z😢😣

    ResponderExcluir
  11. Bai Luo Yin assentiu com a cabeça pensativamente, uma ideia se formando em sua mente, “Que tal você convida-lo para a nossa casa também?”

    NOSSA CASA, NOSSA CASA, NOSSA CASA.
    _____
    Esse cap me representa, dormir é vida!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. HAHAHAHAHAHAHAHAHA Já são um casal. huahauhauhauahu

      Excluir
  12. "Bai Luo Yin engasgou em sua própria saliva, lágrimas aparentemente se formando em seus olhos enquanto uma dolorosa expressão se formava no rosto dele."
    Hahahahaha bai Luo yien só pensa em comida! Hahaha •﹏••﹏•
    Esses dois estão derretendo meu coracao de tanta Fofura!! ❤❤❤♥♥♥♡♡♡

    ResponderExcluir
  13. OMG bai Lou yin gosto do seu senso de humor.. Contudo que o gu Hai faz,as vezes da vontade de atirar mas não deixa de ser kawai ver nosso Lou yin crescendo e demostrando tudo o que sente.
    Thanks Lena

    ResponderExcluir
  14. Lena, cê já ouviu alguma coisa sobre a proibição do Johnny e do Xu Weizhou ficarem próximos?Tipo, vi algumas pessoas comentando q o governo chinês proibiu eles de manterem contanto, não podem nem ficar no msm local juntos...Ai esses dias vi um vídeo deles em um evento(eles estavam lado a lado) e do nada surgiu um cara da produção e puxou o Timmy pra longe do Johnny T.T Será q é verídico? Slá parece exagero...até pq tem tantos filmes bl's na China e nunca ouvi essa história em relação a outros casais( Like love, por exemplo, tem cenas beeeeem mais explícitas, e ñ vi o Governo de lá dando xilique por isso). -.-

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI Dani! É tudo verdade. Leia a postagem do mês de maio com o título "Esclarecimentos sobre Addicted". Lá eu expliquei tudinho e até coloquei a cena que você comentou... Lá tá tudo bem explicadinho. ;)
      Bjsss

      Excluir
  15. Me tornei viciada...li toda novel em dois dias...acho que agora vou sofrer de abstinência.

    ResponderExcluir
  16. Eu tbm li em dois dias direto kkkkkk mal dormi.. tbm tô sofrendo terrivelmente de abstinência mas fico relendo esse último capítulo várias vezes pra suporta kkk

    ResponderExcluir
  17. Eba mais um capítulo ❤mansae!!!
    Hahaha adoro esses finais engraçados. É muito perigoso ter arma perto e sempre tem um pra fazer raiva né? Thanks unnie 😙
    Fighting!!!

    ResponderExcluir
  18. Nossa acabei de ler a postagem e só me resta chorar, sério! Espero q a China evolua nesse quesito, pq não me entra na cabeça essa lei tosca q interfere em umas séries e em outras não...Esses dias assisti "Swap".Começou tão perfeita e no meio da série mudaram a história toda só pra se adequar a lei e não ser banida T.T Bite Fight teve até cenas de abraços censuradas ¬¬' Ridículo isso!

    ResponderExcluir
  19. ai meu coração :)estou ansiosa por mais addicted

    ResponderExcluir