Olá meu povo!!!

Como estão? ^^/ Eu tentei postar mais cedo, mas a internet não colaborou. ´º 3 º`

Bem, aqui está o capítulo do reencontro. hahaha Até mais! 💜

Beijos~        
Lena.
________________________________________________








[Vol. 2] Capítulo 63 – Seu pobre filho, o Burro
Tradução: Lena



Logo, os soldados do lado de Bai Luo Yin não conseguiram mais resistir aos oponentes. Enquanto isso, o próprio Bai Luo Yin quase alcançara a porta do avião de batalha quando dois soldados agarraram seu pé. Ele agitou a perna agressivamente para o lado e atingiu alguns dos soldados cérebro-de-ervilha bem na cabeça fazendo-os tombar, antes de ele se apressar e abrir rapidamente a porta da cabine do piloto.
Que... trinta pessoas não conseguem pegar uma pessoa?... Vendo aquilo, o rosto de Gu Yang escureceu completamente antes de ele disparar agilmente na direção do avião e praticamente pular no degrau que levava à porta da cabine. Já que vocês são um bando de decepção, eu mesmo farei a porra do trabalho!
Bai Luo Yin foi capaz de entrar com metade do corpo na cabine quando, de repente, ele foi cruelmente puxado por uma força imensa. Quando ele abaixou a cabeça para dar uma olhada, ele encontrou o rosto sinistro de Gu Yang, que segurava a perna dele em uma posição dobrada. Como havia chegado àquilo, ele não se conteve e o chutou com ferocidade. No entanto, quando Gu Yang soltou a perna de Bai Luo Yin, a mão dele que estava segurando a calça do mesmo não só apertou mais como também os arrastou para baixo mais de doze centímetros.
As duas mãos de Bai Luo Yin que estavam segurando firmemente o entalhe inferior da porta da cabine estavam quase sangrando pelo limite onde suas unhas encontram a pele.
Gu Yang foi extremamente cruel dessa vez, não se importando nem um pouco quando seus olhos passaram pelas mãos dele. Você enganou, usou e brincou com meus sentimentos... Bai Luo Yin, quando você cair nas minhas mãos hoje, não espere que eu tenha pena ou seja piedoso com você de novo!
“Ahhhhhh!...”
Bai Luo Yin urrou, resultando na mão de Gu Yang parando por um momento por causa do reflexo condicionado. Tomando esse momento para sua vantagem, Bai Luo Yin pulou repentinamente para dentro da cabine enquanto as mãos de Gu Yang puxaram de volta com força.
Em segundos, o som de tecido rasgando pôde ser ouvido.
As calças de um certo Major tinham sido rasgadas.
Para uma descrição mais exata, ela rasgou na parte debaixo das nádegas – com apenas uma olhada para cima, Gu Yang pode ver claramente a cueca preta de Bai Luo Yin. Por causa do olhar momentâneo, Bai Luo Yin entrou no avião de batalha agilmente, o que fez as mãos de Gu Yang não terem tempo de alcançar mais quando a porta da cabine fechou bem na frente dele.
Ouvindo o ronco dos motores, os soldados parados aos pés dos degraus também ficaram espantados.
“É perigoso! Rápido, puxe ele pra baixo!” Alguém gritou e todos os soldados correram para tirar Gu Yang dos degraus.
O rosto de Gu Yang permaneceu tão escuro e sinistro quanto antes enquanto ele olhou de cima e falou com eles em um tom assassino. “Vocês não são todos soldados da Força Aérea? Isso é bom então. Mandem dois aviões de batalha para intercepta-lo imediatamente!”
Os soldados todos olharam uns para os outros desajeitadamente, descobrindo que as coisas haviam saído de controle.
Notando os movimentos lentos deles, Gu Yang os assegurou rapidamente, “Vocês não se atrevem a fazer isso sem aprovação explícita? Ótimo. Eu vou fazer uma ligação para o Comandante de Batalhão Zhang e deixar que ele imediatamente emita a missão a vocês!”
“Não, não é por causa disso,” um homem corajoso disse. “Não é que não queiramos ajuda-lo... é só que nós honestamente somos incapazes disso. Quando o assunto é combate aéreo, Major Bai é excepcional e não fica em segundo para ninguém. Ele é praticamente imbatível. Mesmo que nós o perseguíssemos, certamente nós cairíamos antes do Major Bai.”
O rosto de Gu Yang ficou cada vez mais feio, “Não funcionaria se fosse providenciado a vocês os aviões de batalha de melhor performance?”
“Uh... o avião de melhor performance é aquele no qual o Major Bai decolou.”
Gu Yang, “.......”
Depois de um longo tempo, um soldado andou cautelosamente até Gu Yang e disse, “No entanto, tem alguém cujas habilidades excedem as do Bai Luo Yin. O único problema é que eu não sei se ele estará disposto a ajudar você...”
“Quem?” Gu Yang estreitou os olhos e perguntou.
“Tenente Coronel Zhou.” [Lena: Hah. Vai lá, tenho ctz que ele te ajuda. Ele te adora! =D]
Sinceramente, dá para imaginar as emoções de Gu Yang em conflito naquele momento.
__
Depois que Bai Luo Yin atingiu uma grande altitude, o avião de combate finalmente alcançou a velocidade máxima. Em apenas uma hora, ele voou diretamente para o espaço aéreo de Hong Kong, perfurando rapidamente as nuvens antes de descer lentamente.
Naquele momento, Tong Zhe disse para Gu Hai, “O carro vai ficar sem gasolina em breve.”
Gu Hai se virou para dar uma olhada; os carros atrás deles não estavam mais à vista, mas isso não significava que eles tinham se livrado deles. Contanto que eles seguissem o rastro deles, era inevitável que eles localizassem suas posições exatas.
Exatamente quando ele pensava isso, o telefone dele tocou.
A voz distinta de Bai Luo Yin foi transmitida do outro lado da linha, “Onde você está agora? Eu já cheguei em Hong Kong.”
“Eu...” Gu Hai olhou em volta em todas as direções, que lugar é esse? Ele olhou para Tong Zhe que também estava confuso.
“Nós devemos estar no subúrbio.” Gu Hai disse com dificuldade.
Bai Luo Yin ficou em silêncio por um longo tempo, “Então você pode apenas ficar aí e não se mover. Eu vou usar o posicionamento de satélite.”
Antes que Gu Hai pudesse dizer ‘okay’, ele viu um carro familiar surgir no espelho retrovisor. Ele olhou para Tong Zhe, que bateu no volante e disse, “Está sem gasolina!”
Como resultado, os dois pularam fora do carro e fugiram para uma vila não muito longe de onde estavam. Acelerando seus movimentos, o grupo de pessoas atrás deles também escaparam de seus carros e os perseguiram. Eles entraram rapidamente na vila vindo de todas as direções e intencionalmente bloquearam quase todas as ruas de entrada e saída.
Gu Hai e Tong Zhe escalaram uma parede qualquer e pularam para o pequeno quintal de uma viúva – sem que eles soubessem que era isso. No entanto, no exato momento em que eles estavam prestes a soltar um suspiro de alívio, o som repentino de um cachorro latindo quase matou os dois de susto. Sem querer ser descoberto, Gu Hai imediatamente puxou o cachorro para seus braços e cobriu a boca dele à força. Ao fazer isso, o cachorro acabou arranhando ele por todo o corpo.
Parado ao lado, Tong Zhe de repente ouviu de repente um som trovejante abafado vindo do céu. Ele levantou a cabeça para poder olhar apenas para ver um avião de combate voando na direção deles. Ele rapidamente deu uma empurrada em Gu Hai que fez ele olhar para cima. Os sentimentos dele então... uma aflição indescritível enquanto as mãos dele seguravam o celular sem estabilidade.
“Yin Zi, estou vendo você.”
“Isso é bom. Você pode me direcionar e eu vou voar até você.”
Sem dúvida, o avião de combate de Bai Luo Yin forneceu àqueles ‘soldados’ perseguindo eles uma poderosa dica da localização deles. Enquanto o avião descia, aqueles homens começaram a correr de todas as direções e se agruparam em volta do pequeno quintal, cercando a área inteira em uma grande ação.
Aqueles desgraçados inúteis tem a coragem de brincar comigo?
Bai Luo Yin casualmente disparou duas pequenas granadas inofensivas, assustando aqueles homens e fazendo-os recuar uns dez metros. Ele queria encontrar uma área adequada para pousar, mas descobriu que não havia um local conveniente. Enquanto ele estudava o entorno, Gu Hai e Tong Zhe também saíram correndo. Bai Luo Yin rapidamente mirou e disparou uma quantidade infinita de bombas de fumaça densa para liberar o caminho para eles. [Lena: E o povo da vila gritando e correndo por todos os lados gritando “Terroristas!” XD]
Logo, assim que aqueles homens perceberam que as granadas não tinham nenhum poder destrutivo e eram meramente para assustá-los, eles mais uma vez avançaram e se aproximaram de Gu Hai e Tong Zhe. Isso significava que, para garantir a segurança de Gu Hai, Bai Luo Yin não poderia jogar as granadas imprudentemente de novo.
Merda, não tem mais tempo. Bai Luo Yin assumiu um risco enorme e desceu o avião de combate perto o suficiente do chão e rapidamente abriu a porta da cabine do piloto. Gu Hai praticamente voou para dentro e, assim que estava em segurança, ele imediatamente abraçou Bai Luo Yin com firmeza. [Lena: Aquele “perto o suficiente do chão” faz parecer que ele estava em um helicóptero, mas eu não sei mais de nada. Talvez seja um avião-helicóptero... Ou a CJD pode ter inventado um avicóptero-de-batalha só dela. XD]
Da Hai...
Bai Luo Yin queria mais do que tudo abraça-lo de volta, mas as mãos dele estavam ocupadas no momento. Não obstante, ele foi capaz de manter uma mentalidade racional; apesar de estar emocionado e animado, ele ainda lembrou de fechar a porta da cabine primeiro.
“Não feche ainda!” Gu Hai gritou de repente com uma voz alta antes de se virar rapidamente e esticar o braço para baixo e puxar Tong Zhe para cima.
Como Tong Zhe estava um passo atrás de Gu Hai, algumas daquelas pessoas conseguiram segurá-lo, dificultando que ele subisse com tranquilidade. Ele só podia depender de Gu Hai para ajuda-lo.
Bai Luo Yin deu uma olhada para baixo e a expressão dele mudou rapidamente.
“Yin Zi, rápido, me ajuda aqui!” Gu Hai disse enquanto as veias de suas mãos tufavam.
Bai Luo Yin hesitou por um momento, mas ele ainda foi ajudar.
Assim que o pé de Tong Zhe deslizou para dentro, Bai Luo Yin foi fechar a porta.
“Não fecha ainda!” Gu Hai gritou de novo, mas ainda mais preocupado, “Meu filho ainda está lá embaixo!” [Lena: kkkkkkkkk Ele veio correndo por último? -(。ノ<) (sacanagem hehe)]
Quando Gu Hai puxou Tong Zhe um momento atrás, ele foi descuidado e o burro caiu acidentalmente. Agora ele estava embaixo dos pés daquelas pessoas. Gu Hai ficou nervoso e uma pontada de dor atingiu seu coração. “Espera um minuto. Eu vou descer e pegá-lo!”
“Não precisa.” Bai Luo Yin respondeu fracamente, “Você ter entrado é suficiente.”
Quando a porta da cabine foi fechada imediatamente, Gu Hai olhou desamparado enquanto o burro era pisoteado pelos pés daquelas pessoas. A única coisa que ficou em sua mente foi o jeito que o burro usualmente agitava a cabeça.
“Por que você não me deixou descer para pegá-lo?” Gu Hai se virou calmamente para perguntar a Bai Luo Yin.
Na verdade, Bai Luo Yin realmente queria refutá-lo, como foi que ele caiu? Não foi você que abandonou ele primeiro?... mas no fim ele realmente disse, “Não é nada mais que um animal de pelúcia. Só compre outro quando nós voltarmos!”
Gu Hai não pôde dizer mais nada. [Lena: Minhas condolências, Gu Hai... Perder um filho deve ser muito difícil... (•́₋•̩̥̀)]
__
Mais uma vez, Gu Yang entrou na sala de interrogatório apenas para ver Zhou Ling Yun praticando boxe [1] na frente da parede. Não demorou muito para Gu Yang notar as pequenas rachaduras que apareceram uma a uma na parede – e cada uma era do tamanho do punho de um homem.
[N/T1: em inglês estava shadowboxing, daí “boxe de sombra”. Eu acho que não é certo usar esse termo porque o treino de sombra é quando o lutador fica se momento sozinho e lançando golpes do ar. Como ele está socando a parede e não o ar, não convém usar esse termo, por isso eu fiz essa alteração.]
Mesmo depois de ele ter visto Gu Yang entrando, a expressão de Zhou Ling Yun não mudou nada.
No entanto, para Gu Yang, apenas um vislumbre daquele homem odioso o fazia desejar que ele pudesse apenas dar a volta e sair imediatamente.
Porém, comparado a como Bai Luo Yin e Gu Hai tinham unido forças para magoá-lo, ser um pouco humilhado por Zhou Ling Yun não superava nada.
“Eu tenho uma missão. Contanto que você possa completa-la, eu posso tirá-lo daqui agora mesmo.”
Zhou Ling Yun parou seus movimentos por um momento e se virou para olhar para Gu Yang.
“Qual missão?”
Gu Yang pausou entre cada palavra, “Interceptar um avião de combate.”
“Interceptar um avião de combate?” Zhou Ling Yun sorriu vagamente, “Quando você começou a lidar com assuntos da Força Aérea?”
Resistindo à necessidade de explodir com o mínimo de paciência que ele tinha sobrando, Gu Yang tentou explicar tudo. “Você quer saber como acabou parando aqui? Deixe-me lhe contar. Foi Bai Luo Yin quem usou minhas mãos para prender você. Como ele é preguiçoso de natureza e não suporta sua política imperiosa, ele pensou em um método para mudar o conflito para cima de nós dois.”
Zhou Ling Yun socou a parede de novo, mas dessa vez a área das várias rachaduras aumentou.
“Vamos dizer que você e eu, no mínimo, somos considerados aliados e nosso inimigo comum é Bai Luo Yin. Ele fugiu em um avião de batalha e a única pessoa nesta unidade que pode interceptar e derrubá-lo é você.”
“Aliados....” Zhou Ling Yun ponderou aquela palavra, “Um aliado me forçaria a comer um pão que foi mijado?”
A expressão de Gu Yang mudou quando ele disse desconfortavelmente, “Eu lhe darei uma válida explicação com relação a isso depois!”
“Deixe-me pensar sobre isso.” Zhou Ling Yun disse seriamente enquanto continuava socando a parede.
A cor no rosto de Gu Yang mudou, “De Pequim para Hong Kong, leva cerca de três horas para ir e voltar. No tempo que você terminar de pensar, o avião de combate já terá pousado!”
“Ir e voltar?” As sobrancelhas grossas de Zhou Ling Yun se torceram, “Já que ele está voltando de qualquer forma, por que você precisa mandar outro avião para intercepta-lo? Você vê a nós, pilotos, com um monte de tempo livre, sem nada melhor para fazer?”
Tentando não atacar, Gu Yang se forçou a dizer, “Você vai fazer isso ou não?”
Zhou Ling Yun declarou sua posição com firmeza, “Os maquinários da nação não são seus para serem usados casualmente para resolver seus conflitos pessoais.” [Lena: Toma-te.]
Depois de dizer algumas palavras implacáveis, Gu Yang se virou e saiu da sala.
“Comandante de Batalhão Zhang, eu preciso de dois pilotos extremamente competentes que possam rivalizar com Bai Luo Yin agora mesmo.” [Lena: Gu Yang parece uma criancinha mimada indo de pessoa em pessoa insistindo no que quer até ser atendido. -_-“]
“Você realmente ligou na hora perfeita. Acontece que eu tenho um disponível prontamente! Ele é um soldado de elite que eu trouxe de outro distrito militar. Ele está em Pequim para uma reunião no momento, mas eu posso lhe ajudar a entrar em contato com ele.”
Guardando o celular, Gu Yang resfolegou fria e amargamente. Deus finalmente abriu os olhos.
Se eu soubesse disso antes, não teria me dado ao trabalho de vir aqui...... Gu Yang olhou de relance para a porta da sala de interrogatório com olhos completamente cheios de ódio. Zhou Ling Yun, espere e veja!
*****

13 Comentários

  1. Kkkkk a ai meu filho Coitadinho do burrinho de gu hai
    esse General esse primo de Gu hai se merece duas cobras
    Lena obrigado por mais um capítulo ansiosa pelo próximo

    ResponderExcluir
  2. Gu Yang já causou demais na novel, já tá mais q na hora dele... como posso dizer isso da forma mais tranquila... Morrer kkkk

    ResponderExcluir
  3. Valeu Lena👏🏻👏🏻👏🏻👏🏻👏🏻👏🏻👏🏻Já esperando o próximo capítulo 🙏🏻🙏🏻🙏🏻🙏🏻💋💋💋💋💋

    ResponderExcluir
  4. Valeu querida, ta muito bom, aguardando os proximos. Belo trabalho

    ResponderExcluir
  5. Ai BLY, insensível com o final trágico do burrinho, kkkk.
    E qndo ao comentário da Lena sobre a vila e parecer terroristas, quase matei o povo aqui de casa por conta das gargalhadas. Demais esse capítulo, soh pelo próximo. 😊😘😘😘

    ResponderExcluir
  6. Não vou mentir senti pena do burro e mais ainda de Gu Hai
    Obrigada Lena

    ResponderExcluir
  7. Amei muito o cap novo Lena
    Seus comentários são os melhores kkkk
    Obrigada por traduzir e já aguardo oa próxima atualização❤❤

    ResponderExcluir
  8. Boa noite. Depois de tanto tempo tive que retornar do zero mais terminei o até então derradeiro capítulo. Ri tanto que quase acordei minha mãe. Terroristas kkkkkkkkkkkkk... Obrigado por seu trabalho maravilhoso.

    ResponderExcluir
  9. Oiii gostaria de adicionar que comecei a ler essa novel domingo... E cá estou eu... \0 / cheguei até aqui... Obrigada por nos proporciona alegria e algumas tristeza kkk estou viciada aqui ... Tadinho do burro kkkk espero que não aconteça nada de muito grave.. Meu coração não aguenta .. Posta logo por favor.... Bjs 3>3>

    ResponderExcluir
  10. Kkkk ok! Lena você me matou de rir(terroristas)Foi genial seu comentário....

    ResponderExcluir
  11. Oq aconteceu? Estou até preocupado com Lena, já que pelo oq vi ela não ficava tanto tempo sem publicar, alguém sabe de notícias dela?

    ResponderExcluir