Oi pessoal!!! ^^/

Mais um de AD! Yay! \o/ hehehe Gu Hai e Bai Luo Yin vão se encontrar nesse capítulo, mas sob certas circunstâncias. Bem, melhor do que não se verem, né? E eles logo, logo vão dar um jeitinho nisso; Gu Hai sempre arranja um jeito, não é? hahaha E Gu Hai continua aprontando. ;)

Beijos~        
Lena.
____________________________________________________




Cap. 181: Começa o processo de lavagem cerebral.



Depois de aguentar algumas surras, Gu Hai estava excepcionalmente meticuloso enquanto abria o canto de sua boca inchada para comer o café da manhã. Gu Wei Ting estava sentado diretamente a frente dele, com seus olhos calmos e inabaláveis encarando, praticamente fazendo um buraco no rosto dele.
“Você não está planejando me encarar desse jeito pelo resto da minha vida, certo?”
Gu Wei Ting respondeu friamente, “Uma vida inteira não será possível. Eu não serei capaz de viver até o dia que você morrer. Porém, contanto que eu ainda esteja vivo, nem pense que tem alguma esperança de você ter sua liberdade de volta.”
Gu Hai parou de mastigar enquanto encarava Gu Wei Ting com um olhar escuro e sinistro.
“Não me force a abandonar minha própria família [1].”
[N/T1: 大义灭亲 (Dàyìmièqīn) – colocar a justiça acima da lealdade à família. Ou seja, GH escolheria BLY em vez de sua própria família.]
Essas palavras parecerem não causar nenhuma emoção angustiante em Gu Wei Ting. Ele simplesmente se levantou e arrumou suas roupas antes de encarar o espelho e dizer insolentemente, “Se você realmente puder me matar, eu ficaria orgulhoso de você.”
“Velho maluco...” Gu Hai resmungou para si mesmo.
A mão de Gu Wei Ting parou em volta do colarinho antes de lançar um olhar a Gu Hai pelo canto dos olhos, “O que você acabou de dizer?”
“Eu disse...... Vou me esforçar!” disse Gu Hai balançando o pulso maliciosamente.
Então ele olhou ameaçadoramente em sua própria cabeça.
Gu Wei Ting terminou de arrumar suas roupas, calçou os sapatos e disse mais algumas palavras para Gu Hai antes de sair, “Eu estarei fora em uma viagem de negócios por uma semana.”
Os olhos de Gu Hai se iluminaram.
Notando a mudança óbvia na outra pessoa, Gu Wei Ting adicionou urgentemente mais umas palavras, “Eu vou mandar alguém para vigiar você.”
A luz brilhante nos olhos de Gu Hai se misturou com um pouco de raiva e ressentimento, ele retorquiu corajosamente, “Eu não tenho que ir para a escola pelo menos? Eu não posso desistir dos meus estudos por causa disso, certo?”
“Você não precisa se preocupar com isso. Eu já solicitei um bom professor para vocês dois. Com um professor renomado, que tem uma taxa de feedback positivo de 100%, dando aulas particulares para vocês, é garantia que serão capazes de estudar bem.”
O canto dos lábios machucados de Gu Hai, que tinha ficado roxo, foi recuado, “Você está sendo iludido por alguma facilidade educacional em algum lugar?”
“Se ele pode me iludir, então ele também pode iludir você de volta ao caminho certo.”
Uma expressão desdenhosa se assentou no rosto de Gu Hai.
Antes de sair, Gu Wei Ting disse mais algumas palavras, “Eu não tenho muita paciência. Eu só vou lhe dar uma semana. Depois de uma semana, eu vou voltar para verificar seu progresso. Se você ainda estiver desafiador e se recusar a voltar à razão, então teremos que pensar em outros métodos para livrar você daqueles pensamentos.”
Depois de falar, seus passos fortes e vigorosos desapareceram gradualmente.
Gu Hai levantou rapidamente, pegou a pomada que ele tinha escondido pela noite inteira e foi direto para a porta o mais rápido que podia.
“Jovem mestre Gu, por aqui, por favor!”
Dois soldados das forças especiais, cada um com um rifle, fizeram um gesto respeitoso para Gu Hai para acompanha-lo.
“Obrigado.” Gu Hai manteve um comportamento calmo, mostrando nenhum sinal de emoção.
Exatamente quando ele estava prestes a sair, de repente, duas sombras dispararam com grande velocidade, seguraram os braços de Gu Hai e forçaram-no em outra direção. Naturalmente, Gu Hai não podia tolerar esse tipo de coerção. Ele abriu os braços e reagiu. Uma briga obstinada irrompeu entre os três.
Não se podia contar com esses dois soldados das forças especiais. Se eles foram selecionados pessoalmente por Gu Wei Ting, eles devem ser a nata da safra; elites entre os outros e mais do que suficientes para lidar com Gu Hai.
Antes de Gu Wei Ting sair, ele também havia instruído eles a não se importar com quem ele era. Se ele não obedecesse os comandos dele, então não precisavam hesitar em usar força para derrubá-lo. Apesar disso, os dois eram espertos o suficiente para saber que eles não podiam arcar com a responsabilidade de causar qualquer machucado nele. Portanto, eles só podiam tentar subjuga-lo. Apesar desse processo ser mais extenuante, era mais seguro e menos arriscado.
Os dois estavam com medo de ofender Gu Hai e ficarem sujeitos a prejudicar a si mesmos. Por isso, no momento que eles o algemaram, eles se certificaram de elogiá-lo, “Você realmente é digno de ser filho do General! Você realmente é um gigante entre homens!” [2]
[N/T2: 人中之 (rén zhōng zhī lóng) – um gigante entre homens – uma ameaça com a qual não mexer.]
Porra, onde ele encontrou esses dois desgraçados idiotas...... Gu Hai amaldiçoou para si mesmo.
No fim, os dois soldados escoltaram Gu Hai para um cômodo. Bai Luo Yin estava lá também. No momento que seus olhos se encontraram, um sentimento de surpresa surgiu junto. Gu Hai não pode evitar de se virar e gritar, “Por que vocês não me disseram antes que estavam me trazendo para encontrar ele?”
Um dos soldados elevou a cabeça e respondeu com firmeza, “Você não perguntou!”
“Certo, apenas vão agora.”
Com passos sincronizados, os dois se retiraram.
“Espera um minuto, abram as algemas primeiro.”
Vendo Gu Hai sendo trazido para cá com tanta força como um criminoso, uma dor insuportável afetou o coração de Bai Luo Yin. Então ele viu os machucados que dançavam pelo corpo dele, assim como o machucado especialmente grande e profundo que estava próximo dos olhos sem vida dele.
Ele foi mesmo espancado afinal.
A ansiedade que consumia sua mente e o fez tremer de medo a noite inteira realmente tinha acontecido.
“Você não dormiu bem, não é?” Gu Hai olhou para Bai Luo Yin com seu rosto machucado.
Bai Luo Yin moveu os lábios, mas, mesmo depois de um longo tempo, nada saiu.
“Ah, é mesmo.” Gu Hai tirou a pomada de seu bolso e entregou para Bai Luo Yin, “Eu queria lhe dar isso noite passada, mas meu pai descobriu e quase o confiscou.”
Bai Luo Yin estendeu a mão e pegou a pomada, baixou a cabeça e perguntou: “Por que você está me dando essa pomada?”
“Você não foi machucado pelo chicote?” [Lena: Dammit... T^T]
Bai Luo Yin encarou inexpressivo antes de levantar as sobrancelhas confuso. Ele já tinha esquecido sobre isso há tempos, mas Gu Hai lembrava, inesperadamente.
“Olhe pra você, ficando todo machucado desse jeito e você ainda está dando a pomada pra mim?”
“Isso não é nada incomum. Tudo isso é apenas como picadas de mosquitos. Eu não sinto nada.” Depois de dizer isso, ele puxou a mão de Bai Luo Yin e olhou para ela com uma expressão irada, “Porra, está toda machucada!”
Assim que essas palavras voaram, Bai Luo Yin sentiu que o tom de Gu Hai era como uma faca, apunhalando seu estômago profundamente.
“Antes de você sair, você não me prometeu que manteria uma atitude correta e não entrar em confronto com seu pai?”
“Minha atitude foi bem correta,” Gu Hai tinha uma expressão cheia de queixa, “Eu disse que queria ter uma boa conversa com ele. Ele também concordou. Naquela hora, eu conversei com ele de forma educada, mas ele foi muito irracional. Depois de conversar por algum tempo, ele começou a me bater.”
Bai Luo Yin estreitou os olhos ligeiramente e perguntou hesitante, “Você perguntou a ele sobre minha condição?”
Com dificuldade, os cantos da boca de Gu Hai foram puxados em um sorriso brilhante, “Você é o único que me entende.”
Bai Luo Yin ficou em silêncio, incapaz de dizer qualquer coisa.
“Ah, é mesmo. Eu já ia perguntar, em qual quarto o Sun Jongwei lhe colocou? Qual é a condição?”
“......”
“Você dormiu noite passada? A cama era grande o suficiente? O cobertor era quente o suficiente?”
“Sun Jingwei disse alguma coisa estranha ou tentou repreender você? Ele disse o que ia fazer com você?”
Gu Hai disse tantas coisas e tudo ao mesmo tempo. Bai Luo Yin não respondeu nenhuma pergunta. Ele apenas ficou sentado ali, com um rosto carregado e se recusou a dar uma olhada em Gu Hai. Desde o começo, Gu Hai já estava tomado pela ansiedade. Como ele tinha colocado tanto esforço em falar, se ele não ouvisse nenhuma resposta, qualquer um poderia imaginar o humor que ele estava.
“Por que não está falando, heim?” Gu Hai pegou de mau humor na cabeça de Bai Luo Yin.
O olhar feroz de Bai Luo Yin foi para o rosto de Gu Hai, “Não me perturbe!”
Noite passada, Gu Wei Ting disse um monte de coisas duras para ele e, ainda assim, Gu Hai não levou aquilo a sério. Porém, essa única frase de Bai Luo Yin o fez cair num mundo de dor.
“Não foi fácil para nós dois nos vermos e você está sendo rude comigo. Você não está sendo cruel demais?”
Bai Luo Yin respondeu silenciosamente em seu coração.
Ninguém é tão cruel quanto você. Só olhe o que foi feito. Isso é realmente...... você fez exatamente tudo o que eu tinha medo! [3]
[N/T3: 怕什么来什么 => 越怕什么 就来什么 (Pà shénme lái shénme => yuè pà shénme jiù lái shénme) – Quanto mais você teme uma coisa, mas ela vai acontecer.]
Mesmo quando o professor chegou, Gu Hai ainda foi incapaz de falar uma única palavra com Bai Luo Yin.
Esse professor também é um oficial do exército que tem uma graduação. Ele teve experiência ensinando alguns soldados antes, sendo que todas as vezes foi voluntário. Essa era a primeira vez que pediam a ele para ensinar de maneira tão metódica. Mesmo assim, ele ainda estava na frente do filho do General, então era inevitável que ele se sentisse um pouco nervoso.
“Deixe-me apresentar primeiro. Meu nome é Zhang Hua, homem, 26 anos e formado pela Universidade de Beihang [4].” Dois rostos inexpressivos e congelados encararam-no.
[N/T4: Antes conhecida como Universidade de Pequim de Aeronáutica e Astronáutica – BUAA (a sigla continuou mesmo depois da mudança do nome). É uma das universidades chave com foco em pesquisa científica e tecnológica de alto nível.]
“Bem, estou feliz de ensiná-los aqui. Meu conhecimento pode ser limitado, mas se alguma coisa não ficar clara, podem me dizer a qualquer momento.”
*cof cof* “...... Não precisam me chamar de Sr. Zhang. Podem me chamar só de Xiao Zhang. Todos me chamam assim.”
“Okay, então vamos começar a aula.” [Lena: Nuss, que monólogo. o_o]
Enquanto o professor estava ocupado falando para si mesmo na frente deles, os dois estavam perdidos em seus próprios pensamentos. Estava óbvio demais que nenhuma palavra entrou nos cérebros deles, já que nenhum dos dois estava escutando.
Gu Hai não entendia, por que Bai Luo Yin ficou com raiva de repente?
Será que é porque ele não gostou de eu trazê-lo para cá? Ele se sente injustiçado? Ele se arrepende agora? Ele quer ir embora? Ou eu disse alguma coisa que o irritou.....
Bai Luo Yn não podia evitar de lançar a Gu Hai um olhar pelo canto do olho. Ele o encontrou com uma expressão aparentemente preocupada no rosto e não sabia no que ele estava pensando. Assim que olhou para ele, Bai Luo Yin não podia suportar olhar de novo. Ele sentia que Gu Hai estava excepcionalmente lamentável, exatamente como uma criança pequena que coletava restos, quanto mais ele olhava mais agonizante ele se sentia pela dor que apertava seu coração.
Um pouco antes do meio-dia, o almoço foi arranjado em seus respectivos quartos. Alguém foi entregar as comidas especialmente para eles.
Durante a tarde, eles ainda tinham que assistir suas aulas. No fim do dia, no caminho de volta para seus quartos, Gu Hai finalmente viu onde Bai Luo Yin estava ficando.
Depois de muita discussão sobre nada por meio dia, acabou que ele estava ficando no quarto de Sun Jingwei, apenas a um caminho de distância de Gu Hai.
Apesar de ser apenas um caminho de distância, Gu Hai não foi permitido atravessá-lo. Ele não tinha outra escolha além de olhar para lá com impaciência e ansiedade cravando em seus ossos.
Depois de comer o jantar, alguém bateu na porta.
Gu Hai foi abri-la e viu um rosto desconhecido, vestindo um casaco branco e usando óculos. A imagem típica de um médico.
“Você veio ao quarto errado?”
“Você não é Companheiro Gu Hai?”
Não precisa dizer que essa deve ser outra ideia estúpida de Gu Wei Ting para ataca-lo.
“Eu sou um companheiro [5], mas não sou Gu Hai.”
[N/T5: 同志 (tóngzhì) – significa “companheiro”, mas também é uma gíria/eufemismo para “gay/homossexual”. Então, Gu Hai está enfatizando que é gay, como se dissesse “Sou gay, mas não sou Gu Hai.” XD hehe]
A médica sorriu educadamente, “Então você deve ser ele. Eu sou especialista em tratar esse ‘tipo de doença’ [6]. Meu nome é Wang Xiao Man. Sou psiquiatra.”
[N/T6: Ela diz “sou especializada em tratar doença de companheiros”, ou seja, “-em tratar pacientes gays.” Ela usou uma forma indireta de dizer, assim como Gu Hai.]
Exatamente quando Gu Hai estava prestes a fechar a porta, a médica entrou de repente. Ela deve ter recebido treinamento; seus movimentos eram rápidos como raios.
“..... Você geralmente simplesmente vai entrando no quarto de seus pacientes assim?” O rosto de Gu Hai escureceu.
Um sorriso profissional apareceu no rosto da médica, “Vamos ao assunto principal.”
“Sente-se.” Gu Hai levantou o queixo.
A médica ficou meio surpresa com essa gentileza inesperada.
“Você veio bem na hora certa. Tem uma coisa perturbando minha mente, veja se pode me ajudar a me livrar disso.”
“Não há mal em dizer o que está pensando.”
Gu Hai franziu as sobrancelhas e perguntou, “Me diga, por que ele está me ignorando?”
“Com licença, mas quem é esse ‘ele’ a quem você se refere?”
“Você não é uma psiquiatra? Você deveria ser capaz de dizer tudo o que está em minha mente. É necessário que eu diga abertamente?” [Lena: Baobei, você está confundindo as palavras, ela é psiquiatra e não "psíquica". XD]
A médica ficou meio envergonhada, “Então eu vou tentar analisar por um momento.”
Gu Hai assentiu com a cabeça.
“Eu acho que ´motivo pelo qual ele o está ignorando é provavelmente porque você não o escuta.”
“Eu não o escuto?” A perplexidade tomou o rosto de Gu Hai, “Como eu não o escutei?”
“Só pense nisso. No tempo de experiência dele, uma grande parte disso é receber e dar ordens. Cada pessoa tem um jeito de pensar em um problema e o ambiente onde ele vive tem uma grande conexão. A linha de pensamento dele é uma linha reta e afiada. Não é racional nem emocional. Não há espaço para hesitação. Cada vez que ele encontra um problema, ele deve responder imediatamente. Mas você, como filho dele, vive num ambiente completamente diferente......”
“É você que é filho dele!” Gu Hai ficou furioso de repente, “Sua família inteira, são todos filhos dele!”
A médica ficou pálida e perdeu a compostura antes de falar em uma voz tímida, “Como você pode dizer uma coisa assim?”
“A pessoa de quem você está falando e a que eu estou pensando são pessoas completamente diferentes!”
“Eu.....”
“Uma psiquiatra? Não me interrompa. Nojenta inútil.” Gu Hai acenou a mão com um rosto sombrio, “Some rápido, não espere que eu lhe expulse!”
A médica, “......”
*****

25 Comentários

  1. É essas pessoas que acreditam na "cura" gay como se ser homossexual fosse uma doença, essas mesmas pessoas deveriam tentar a cura para a ignorância e preconceito

    ResponderExcluir
  2. GUHAI bota pra lascar!!! Só espero que ele seja mais esperto com o Pai e consiga livrar Louyin desse lugar

    ResponderExcluir
  3. Minha nossa!! quando as coisas vao começar a melhorar... fico tao aflita com esses dois!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vai demorar um pouco, mas durante isso vai ter coisa muito engraçada também ^^. Gu Hai e suas genialidades.

      Excluir
  4. Obrigado lena por ter postado 2 dias consecutivos, sei que não e fácil, e por isso que sou sua fã! um beijão boa noite!

    ResponderExcluir
  5. Kkkkk Botou pra lascar com a médica 😂😂😂😂😂😂

    ResponderExcluir
  6. mano que ódio dessa médica e do general; acostumada a tratar com "esse tipo de doença"? me poupe, ser gay não é doença, acreditar que se pode curar isso ou espancar seu filho e até atirar nele, ai sim isso pode ser uma doença. nojentos, só sinto nojo de quem pensa assim.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, nem me fale... Essas pessoas... Precisam ter uma conversinha com Chai Jidan pra se curarem da verdadeira doença 😌

      Excluir
  7. kkkkkkkkkkkkkk amei
    cap de addicted tao curto? q milagre

    ResponderExcluir
  8. Lena boa noite esse capítulo foi muito curto ficou Muita confusão a minha cabeça como pode General ser tão cruel assim como pode pobrezinho do Bai lou yin passar por isso tão longe do Gohan eu só fico imaginando como esses dois deve estar se sentindo obrigado uma boa noite

    ResponderExcluir
  9. Eu sinceramente to gostando dessa parte, Chai Jidan nessa parte pra mim tá fazendo até um trabalho político expondo esses pensamentos retrógrados, mas existentes. Se no Brasil tem gente que pensa assim, imagina numa China que tem censura contra tudo que é divulgado? Prova disso é o adiamento de Advance Bravely, que eu vou estar feliz só de ir pro ar sem ser banido como Addicted. Mas acho que como condição de ir pro ar.. é que se tiver UM BEIJO GAY vai ser muito.

    ResponderExcluir
  10. Não tem mais volta ne. A relação pai e filho que era 0, agora é -500. Mesmo sendo momentos ruins, estou achando muito bom ver esse lado mais sentimental e apaixonado do BLY em relação ao GH.

    ResponderExcluir
  11. Nervosa para ver o que vai acontecer. .......

    ResponderExcluir
  12. Puta merda que cara imbecil esse general por favor nao da pra aguentar!!!vlw Lena

    ResponderExcluir
  13. HAHA Essa médica tá pior que John Snow, não sabe nada. Gu Hai não é gay, ele é Bailuoyinsexual. É um amor que não tem nada a ver com gênero, mas sim com dois corações que se amam acima de tudo.
    Tão lindo o Yin zi se preocupando tanto com gu hai a ponto de ficar com raiva das atitudes impulsivas que o colocam em perigo.
    Lena, obrigada de Diamante por postar dois capítulos. Suas traduções são as melhores. Vc merece um Gu hai e um yin zi de verdade.

    ResponderExcluir
  14. Tá ficando quente isso! ^^

    Obrigado Lena \o/
    Vou ler o inglês agora... Sou compulsivo demais =)

    ResponderExcluir
  15. Lena sua linda me diga uma coisa o que aconteceu com You Qi e Meng Meng ??? Sinto falta deles...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vdd... Eles sumiram... Achei q eles iriam se aproximar depois q apanharam, um iria cuidar do outro oooowwwnnn seria tãoooo fofoooooo hehe

      Excluir
    2. A questão é que o Meng é claramente hétero. Ele é "Meng Meng", mas por suas ações percebe-se claramente isso. A autora mudar isso acho meio improvável, mostrando assim que não é porque alguém é fofo o tempo inteiro terá interesse por algum cara.
      Mas sei lá, ela não trabalha muito bem as outras personagens dá história, então pode até ter algo disso mais a frente.

      Excluir
  16. Quando vai ter os outros capítulos?

    ResponderExcluir
  17. Dá uma raiva das pessoas que acham que ser gay é uma doença aff😒 mais tudo bem momentos felizes estão por vir

    ResponderExcluir
  18. Que ódio de ver gente tentando curar os gays. Gente, acorda! Não se cura a Natureza.

    ResponderExcluir
  19. to com peninha do Bailu... depois que eu comecei a gostar mais dele, nao gosto de vê-lo assim... se eu fosse o pai do Bailu eu acampava com a polícia e a imprensa em frente a esse quartel e falava q o meu filho estava sendo mantido refém ali sem motivo justificável.

    ResponderExcluir