Mais um! =D

________________________________________________




Capítulo 37: An Ziyan, você é um cara tão mau


Mai Ding se recuperou rapidamente e logo era hora de voltar para a faculdade. Ele prometeu para os seus pais que voltaria para casa duas vezes por mês, mas acabou se acostumando com a sua vida confortável. Ele tinha se desacostumado com a vida em que seus pais o mandavam fazer as tarefas domésticas.
Mai Ding achava terrível que sua vida estivesse mudando. Ele achava que sua diligência estava se deteriorando gradualmente.
Logo cedo de manhã, quando ele ainda estava sonhando docemente, o toque de seu celular o faz acordar. Ele procurou vagamente pelo celular na colcha e aperta o botão de atender com os olhos fechados. Era Bai Xiaosi.
“O que foi? Por que você me ligou tão cedo?” Mai Ding reclamou.
Ela ficou quieta por um tempo. Então ela falou, de modo depressivo.
“Mai Ding, eu sinto muito”.
Essa declaração aberta fez Mai Ding ficar nervoso. Ele teve um mau pressentimento e ficou complemente desperto agora.
“O que aconteceu?”
“Eu, eu vou casar com An Ziyan.” [Lena: Holly shit. O.O]
Ouvindo isso, Mai Ding sentou na cama rapidamente. As notícias vieram tão rapidamente, e eram tão chocantes, que ele não conseguiu formar nenhuma resposta, ele apenas ficou quieto no telefone.
Bai Xiaosi continuou falando: “Na verdade, eu não te contei todos os fatos. Eu fiquei com An Ziyan por muitos anos. Eu ainda o amo, mesmo que eu não tenha percebido isso antes. Mas isso não foi nada até eu voltar e ver você vivendo tão docemente com ele. Essa dor me fez perceber que eu amo ele. Agora, nossos pais estão nos dizendo para casarmos logo e eu não sei o que dizer. Depois de tudo, você sabe, nós somos o casal mais ideal. Eu te emprestei ele por tanto tempo, está na hora de você devolvê-lo pra mim.” [Lena: (・・;)...]
A sequência de palavras inesperadas fez Mai Ding se sentir triste. Por que a situação piorou de repente? An Ziyan não tinha contado para ele antes e eles viveram tão bem todo esse tempo.
“O que ele disse?” Ele se importava mais com o que An Ziyan falasse.
“Ele concordou.” Mai Ding deixou o celular cair da cama.
Agora que An Ziyan concordara, o que Mai Ding podia fazer? Ele julgou mal a importância que ele tinha desde o começo deles até agora. Ele apenas interpretou um papel secundário nessa peça? Agora que a cena dele havia acabado, era hora de a personagem principal subir no palco.
Bai Xiaosi desligou o telefone sem nenhuma culpa. Ela coloca os salgadinhos sobre a mesa e começou a folhear algumas revistas com bom humor.
Mai Ding pensou por um momento, mas ele não soube o que fazer. Seu cérebro estava vazio, completamente vazio. Ele pegou o celular e ligou para An Ziyan.
An Ziyan ainda estava dormindo do outro quarto, ainda eram 5 horas.
“O que foi?”
“Por que você vai casar com a Bai Xiaosi e escondeu isso de mim?”
“Do que você está falando?”
“Você ainda quer me enganar?” Mai Ding tentou o seu melhor para controlar suas emoções, senão ele perderia a paciência.
Mai Ding falou tão alto que An Ziyan jogou o celular pra longe. An Ziyan olhou a data na tela e ficou quieto por um tempo. Mai Ding odiava esse silêncio. “Você soube disso tão rápido.”
“Sério? O que Bai Xiaosi falou é verdade? Se ela não tivesse me falado, por quanto tempo você ia esconder isso de mim?”
“Como o tempo voa.”
“Você sabia disso o tempo todo, certo? Só eu sou um idiota, um idiota que se acha feliz. Mas é tudo de mentira.”
“Só agora você percebeu isso?” An Ziyan falou como se nada tivesse acontecido e a atitude dele machucou Mai Ding. Era tudo um truque. [Lena: ..... (・・;)É sério isso, produção? Ahhhh Deve ser 1º de Abril!!! XD]
Ele achava que o amor óbvio deles era sincero, mas agora ele achava que era falso. O que ele podia fazer agora? Ele nunca tinha passado por esse tipo de coisa antes. Como poderia o simples Mai Ding resolver essa situação?
Ele entrou em colapso.
“Xiaosi é uma boa garota. Te desejo felicidade.”
Mai Ding falou lutando contra sua mente. Eles estavam felizes, mas e quanto a ele? O que ele deveria fazer?
“Tá.”
Quando Mai Ding ia desligar, An Ziyan falou novamente. “Venha pegar suas coisas. Bai Xiaosi vem morar comigo.”
Ele sentiu como se caísse diretamente do céu para o inferno.
A mudança de An Ziyan o pegou desprevenido.
Mai Ding não conseguiu voltar a dormir. Ele levantou e se vestiu. Então ele se olhou no espelho. Estúpido! Estúpido! Ele era um completo idiota. Ele gastou todo seu amor por nada. Ele caiu no chão e chorou por um longe tempo.
Quando era hora de ir para as aulas, ele secou as lágrimas com a manga da blusa e andou até a faculdade. Ele se sentia incapacitado toda vez que deixava An Ziyan. As coisas ao redor dele ficaram turvas. Ele era como um surdo que não consegue escutar os sons ao redor dele. Ele era como o cego que não consegue enxergar o mundo. O coração dele estava fechado fortemente. Nada poderia sair ou entrar.
Quando as aulas acabaram, Mai Ding decidiu ir buscar suas coisas na casa de An Ziyan. Ele não ficou lá por muito tempo, mas já não pertencia mais a ele. Bem, não tinha nada de ruim em eles se casarem. Eles apenas voltariam para o passado. Aqueles dias foram apenas alguns episódios. A saída dele fazia bem para todos, Mai Ding falou para si mesmo. Mas ele ainda se recusava a aceitar esse fato. Ele se conformou em deixar pra lá.
Mas não tinha outras maneiras. O amor de um casal não pode ser apoiado só por um dos lados.
Mai Ding pensou muito enquanto estava no ônibus. Ele chegou na casa rapidamente, o lugar não era mais doce, mas sim cheio de tristeza. Ele mudou de ideia. An Ziyan estava assistindo televisão sozinho na casa e, quando ele viu Mai Ding, apenas o olhou com indiferença.
“Eu vim pegar as minhas coisas.”
Mai Ding fechou seu maxilar, assim sua voz não tremeria.
A atitude de An Ziyan machucou ele de novo.
Mai Ding foi para o quarto pegar suas coisas. Tudo estava repleto de memórias amargas. Agora aquele lar pertencia a An Ziyan e Bai Xiaosi. Não havia lugar para ele. Ele encheu uma mala enorme e a carregou até a porta.  An Ziyan nem sequer olhou para ele. Mai Ding apertou a alça da mala com força.
“Não tem nada que você queira me dizer? Nem mesmo uma palavra?”
Mai Ding não conseguia acreditar. Ele não conseguia acreditar que An Ziyan, que o amava tanta, conseguia tratá-lo daquela maneira agora. Era como um sonho. E como ele desejava acordar desse sonho. Ele não queria que An Ziyan fosse noivo de outra pessoa.
“Eu tenho.”
“O que?”
“Feliz primeiro de abril!” [Lena: Ufa! huashuashuashuahsuahsu]
As palavras dele espantaram Mai Ding. Ele pegou o celular para olhar a data. Bai Xiaosi o chateou naquela manhã. Como ele poderia ter esforço e tempo para olhar a data? As mãos de Mai Ding estavam tremendo cada vez mais. Ele pegou a mala e jogou em An Ziyan  [Luh: merecido] [Lena: Concordo. XD]
“An Ziyan, você é um cara tão mau! Infantil! Bastardo!” Ele não conseguia encontrar outras palavras para descrever An Ziyan. Bai Xiaosi também não era uma garota gentil. Ele foi um idiota hoje.
Era muito ridículo que ele tenha chorado na frente do espelho. Mai Ding se sentia envergonhado e irritado.
An Ziyan deu de ombros. “Pessoas comuns descobrem isso quando olham a data.”
“Eu não sei! Eu sou estúpido! Eu sou um idiota! Quem sabia que hoje era primeiro de abril?”
“Quem não sabe?”
“Como poderia ser justo pregando uma peça em mim com a Bai Xiaosi? Eu quero te matar!”
Na verdade, An Ziyan não fez a brincadeira com Bai Xiaosi de propósito. Depois de Mai Ding ligar para ele naquela manhã, ele descobriu que era primeiro de abril pela tela do celular, então ele cooperou com Bai Xiaosi. Ele apenas deixou a ‘pegadinha’ mais completa.
Mai Ding se jogou em An Ziyan.
“Devolva as minhas lágrimas e minha tristeza, seu cara ruim!”
“Você chorou?” An Ziyan virou o rosto para o outro lado e riu, “Como uma garota!”
“Eu não quero mais viver nesse mundo!”

*****

11 Comentários

  1. kkkkkkkkkkkkkkk me lembrei da série nesse momento

    ResponderExcluir
  2. Eu gritei um FILHO DA PUTA hahahaha

    QUE SUSTO!

    ResponderExcluir
  3. Eu não cai pq eu assisti a série mas na série eu caí puta que pariu que raiva aigoo

    ResponderExcluir
  4. è na série eu tbm cai direitinho e ficava dizendo isso não pode ser verdade, agora foi engraçado. Obrigado!!

    ResponderExcluir
  5. hahahahaha coitadinho do MD ele entrou em desespero e o AZ não colabora né, só fica bolinando o coitadinho hahahaha

    ResponderExcluir
  6. Eu não assisti a série, então estava aqui, em prantos quando descubro a verdade. Eu dei um grito bem alto no metrô. Fui trolado kkkkkkkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. BWAHAHAHAHAHAHAHA Fiquei imaginando você gritando no metrô!! kkkkkk

      Excluir