Oi pessoal, como estão? ^^

Vamos para YDXJ agora. Esse capítulo mostra a visita de Ano Novo de Liang Ze e Hang Hang na casa do irmão mais velho do LZ. =)

Ah. Agora nossa tradutora de YDXJ, que atende por Dryk =D, está identificada em todos os capítulos traduzidos por ela. Obrigada pela ajuda, Dryk. ^^/

Vamos ler!

Lena.
___________________________________________



Ato 19: Chegando em casa para o Ano Novo.

Tradução: Dryka.
Revisão: Lena.

Liang Ze: Você tem todos os itens para o Ano Novo?
Liang Bin: Eu tenho tudo.
Liang Ze: Pelo menos me deixe comprar uma caixa de sobremesa Dao Xiang para a cunhada, certo?
Liang Bin: Ah, sobre isso, vá em frente e compre. Na verdade, compre duas ou mais caixas, compre chocolate e compre alguns doces ou algo assim. Realmente qualquer doce serve. Sua cunhada está grávida. Ela não consegue parar de comer, receio que nossas reservas não sejam suficientes.
Liang Ze: Outro bebê?
Liang Bin: Sim, quase quatro meses agora.
Liang Ze: Legal! O dobro da felicidade!
Liang Bin: Dobro?
Liang Ze: Sim!
Liang Bin: Xiao Cui já tem sete anos de idade...
Liang Ze: Ah, não é isso que quero dizer. O dobro da felicidade é que eu estou indo com meu namorado hoje!
Liang Bin: O quê?
Liang Ze: Namorado!
Liang Bin: Um amigo homem?
Liang Ze: Correto! Se eu não posso ter uma namorada, eu posso ter um namorado. Você não gosta?
Liang Bin: ... O que aconteceu com você, você até mesmo chama um amigo do sexo masculino como seu namorado! É porque você escreveu tantas coisas recentemente que danificou seu cérebro?
Liang Ze: Ah, não, por que você não entende? É um namorado, um homem que vai viver comigo pelo resto da minha vida!
Liang Bin: Eu entendo isso, mas...
Liang Ze: Você não me deixa ter uma namorada; Assim, pelo menos eu consigo um namorado!
Liang Bin: Você... Você o quê?
Liang Ze: Uma vez que é assim que é, vou chamá-lo para levantar, e então vamos comprar as sobremesas; te vejo à tarde! Diga oi para cunhada por mim!
"Liang Bin, quando o seu irmão vai estar aqui? Você perguntou o que ele quer comer? Ele pode comer macarrão de arroz e carne?" Zhong Yue Wen perguntou enquanto olhava para a costeleta de porco na tábua de corte. Ela já havia passado daquela época de náusea na gravidez, agora ela só queria comer o máximo que podia.
"Mãe~ há fogos de artifício [1] sendo estourados lá embaixo, posso ir vê-los?"
[N/T1: “Firecrackers” – são aqueles fogos de artifícios pequenos. Como os nossos foquetinhos e afins.]
"Claro, coloque roupas e não fique perto demais dos fogos de artifício... Ah, Liang Bin, eu vou te dizer! Você deve tirar aquele quadro da sala de estar, também certifique-se de limpar a sala um pouco." Zhong Yue Wen sentiu-se especialmente irritada com sua sala de estar porque exibia uma imagem que foi dada a seu marido pelo próprio irmão mais novo dele... Uma foto ampliada de um chefe tribal. Liang Bin não queria tira-la, não importa o quê, dizendo que Liang Ze não ficaria feliz se fosse tirado. No entanto, Zhong Yue Wen seria firme, dizendo que ela tinha medo de que seu bebê nasceria como Liang Ze, já que ela olha para ele todos os dias. Se o bebê fosse exatamente igual à Liang Ze, Zhong Yue Wen não tinha certeza se deveria estrangular o bebê ou não. 
"Faça." Liang Bin desligou o telefone, ele realmente não sabia como reagir ao que ele acabou de ouvir quando ele se recostou no sofá. Namorado? Que tipo de namorado? Namorado? Meu irmãozinho tem um namorado? Ele também disse que tem que dizer ao namorado para se levantar?
"Ei, Liang Bin, você pode falar menos e trabalhar em torno da casa um pouco?"
Namorado... Eles estão vivendo juntos?
Namorado... Não é que você não me deixa ter uma namorada?
"Yue Wen..." Liang Bin acendeu um cigarro, abriu um site de notícias semanais na frente dele, e olhou para o quadro pendurado em frente a ele. Ele então se levantou, tirou a foto e limpou a poeira. Ele olhou para seu belo irmãozinho que estava completamente nu na foto, enquanto aquelas palavras de ficar junto com seu namorado continuavam se repetindo em sua cabeça.
"Ah, o quê? Diga mais alto, eu não consigo ouvir você. Oh, este não é realmente o momento, tia Li!" [Dryk: Tia Li é a governanta.]
"Yue Wen", Liang Bin caminhou em direção à cozinha, "O que significa um namorado?"
Zhong Yue Wen pausou sua faca, "Seu irmão não está aqui ainda... e você já está imitando ele?" 
"Ele só ligou e disse que iria trazer seu amante."
"Ah, mais que garota sem sorte!"
"Um homem."
“Ah?”
"Ele disse namorado... eu ainda não entendo."
"Como você não entende isso? É o tipo de namorado onde você pode jantar e assistir a um filme juntos, beber chá juntos, ir a shows juntos, beijar como se não houvesse amanhã e falar sobre casamento". Zhong Yue Wen estava ensinando enquanto cortava a carne, quando de repente ela disse: "O que você disse??" Seu volume de voz subiu ao nível máximo, "Seu irmão mais novo encontrou um namorado??? Um cunhado?"
O irmão mais velho e a cunhada se entreolharam, enquanto ambos estavam atônitos.
Depois de uma longa pausa, Liang Bin finalmente disse algo. "Ele me disse isso."
"O que você quer dizer é que... seu irmãozinho é... com um homem?"
"Eu não sei o que ele quer dizer...”
"Ele está fazendo com um homem... aquilo... aquilo... aquilo..."
"O que é ‘aquilo’?"
"É o ‘um ato que só pode ser feito com um namorado'!" 
"Como eu vou saber!"
Zhong Yue Wen olhou para Liang Bin por um momento, "que carma..."
"Yue Wen..."
“Ele certamente é seu irmãozinho, o infame Liang Ze! Se amanhã você me disser que ele emigrou para Marte, não me surpreenderá!
"Não fique animado, não fique animado." Liang Bin deu um passo à frente e segurou a esposa.
***
"Shuaige, acorde." Liang Ze envolveu seu pijama em torno de si mesmo e depois se agachou em frente à cama, o pequeno Chihuahua Diu Diu também veio com seus pequenos passos.
Hang Hang enrolado em sua colcha estava em um sono muito pesado. Na noite passada, depois de limpar a loja, ele embalou cinco chinchilas e um pequeno Chihuahua para se apressar para a casa de Liang Ze, onde os dois assistiram a um filme durante a noite. Hang Hang estava completamente exausto.
"Shuaige, o sol já está acima de nossas cabeças!" Liang Ze estendeu a mão para empurrar Hang Hang.
"Fácil, basta puxar o sol para baixo." Hang Hang levantou-se. Na consciência do Céu e da Terra, dentro de 365 dias por ano, ele não tinha um bom dia de sono.
"Essa é uma ideia maravilhosa!" Liang Ze acendeu um cigarro, ainda sentado à beira da cama, "mas primeiro preciso ter um par das mãos de Deus".
O corpo de Hang Hang finalmente se moveu um pouco, não querendo se mover muito enquanto o olhava irritantemente, "Por que tão cedo?" Ele deu uma olhada no relógio de cabeceira, apenas passava um pouco das 11 horas.
"Para o supermercado!" Liang Ze respondeu com vontade.
Hang Hang esticou seu corpo enquanto puxava Liang Ze de volta para a cama.
"Shuaige! Isso vai te queimar!" Quando Liang Ze estava sendo beijado, ele se certificou de esticar a mão com o cigarro para longe deles.
"Dorme um pouco mais, não é como se estivéssemos com pressa para ir ao mercado." Hang Hang pressionou Liang Ze para baixo enquanto sua mão roçava o rosto de Liang Ze.
"Nós não podemos, temos muito a comprar, e eu disse ao meu irmão que nós iriamos na parte da tarde!"
"O que?" Hang Hang estava incerto.
"Você precisa se levantar e tomar um banho, eu vou mudar minhas roupas e esperar por você."
“Você disse que nós vamos encontrar seu irmão esta tarde?”
"Sim!" Liang Ze tirou o pijama e abriu o armário para procurar um novo conjunto de roupas.
"Então eu vou voltar a dormir e você vai ver seu irmão na parte da tarde. Você vai voltar esta noite?" Ele não disse que queria passar a véspera de Ano Novo juntos? Então por que ele está fazendo isso? Hang Hang não entendia muito bem.
Com o cabelo ainda molhado de seu banho, Liang Ze virou a cabeça e disse: "Você vai comigo!" Enquanto abotoava sua camisa.
"Espere... o que você disse?" Hang Hang imediatamente se levantou.
"Eu disse que você e eu vamos ao mercado comprar algumas sobremesas para a minha cunhada grávida. Em seguida, no dia 30 nós dois..." Liang Ze pegou o cigarro pendurado em sua boca e bateu o cigarro no cinzeiro, "vamos para minha casa."
Hang Hang agora estava completamente acordado quando seu cérebro começou a trabalhar em alta velocidade: "Você quer que eu... volte com você para conhecer seu irmão?"
“Shuaige, não me diga que você dormiu tanto que seu cérebro se transformou numa poça?” Liang Ze abotoou sua camisa, então tirou a calça de pijama e tirou um bando de calças para escolher um jeans: "Levante-se. Nós dois devemos almoçar fora, eu meio que quero comer no velho Bai Kui restaurante." [N/T: o nome de um restaurante chinês em Pequim.]
 “Você contou para o seu irmão?”
"Sim, eu disse a ele, e a comida da minha cunhada é super gostosa." Liang Ze terminou de vestir as roupas enquanto sorria.
“Disse ao seu irmão que me levaria para casa?
Liang Ze sentiu que algo estava estranho com Hang Hang, então ele girou a cabeça para olhar para ele.
“O que você disse a ele?”
"Eu disse que eu estou indo com meu namorado."
Hang Hang imediatamente desabou de volta na cama. 
"Vamos, não durma mais!" Liang Ze puxou Hang Hang.
"Seu irmão... o que ele disse?"
"Ele não disse nada, agora levante-se e vamos embora."
Eles compraram um monte de sobremesas no supermercado, em uma variedade de tamanhos. Quando Liang Ze e Hang Hang chegaram ao restaurante Old Bai Kui, era uma hora mais tarde.
Hang Hang ainda estava aturdido desde que acordou...
Namorado =.=
Ele realmente não sabia como enfrentar o irmão mais velho de Liang Ze, o que aconteceu?! Ele não estava preparado para isso, e também... Ele não esperava encontrar-se com os "pais" neste momento. Ah, sim, o único membro da família de Liang Ze é seu irmão mais velho. E Liang Ze... Ele na verdade, ele realmente... Disse a palavra namorado?? Oh Deus, que irmão não ficaria com raiva. Esse idiota está fora de si? Mas, eu realmente quero ir para casa com ele? Liang Ze, ele não se importa, mas eu... Me importo.
“Ah, só estes.” Liang Ze verificou mais uma vez, "hey, Shuaige, você quer comer alguma coisa?"
Hang Hang balançou a cabeça. Obviamente sua mente estava em outro lugar.
"Então, é só por agora, ei, espere..."
"O que mais você precisa?"
"Que lanches você tem?"
"O velho Beijing tem muitos lanches." A menina sorriu.
"Shuaige, este é um lugar muçulmano, então eu não vou falar tolices novamente, basta trazer um pouco de laxante (guàn cháng)!"
"O que?" Os olhos da menina quase caíram das órbitas.
“Ah?” Liang Ze parecia um pouco confuso.
Hang Hang tinha desistido completamente de Liang Ze, "Apenas faça seu trabalho." 
“Você não tem laxantes?” Liang Ze acendeu um cigarro com uma expressão inocente.
“Que tipo de loja é essa?”
"Loja Halal! Eu nem disse," Liang Ze baixou a voz, "a palavra 'porco' nenhuma vez.”
"Então o que são laxantes (guàn cháng)?" Hang Hang não podia deixar de colocar a mão no rosto.
"Uh..." Liang Ze sentiu como se estivesse sendo estrangulado, este foi um grande exemplo de dano cerebral!
[N/T:  Liang Ze quis dizer "guàn cháng", que significa Laxantes, mas ele pronuncia erroneamente e acaba falando "guàn chang", que significa salsichas de porco =.=]
Por volta das três horas, os dois entraram no andar de baixo dos apartamentos recém-construídos onde morava o irmão de Liang Ze. Hang Hang continuou dizendo que ele não deveria ter vindo, talvez Liang Ze deveria ir lá sozinho. Mas Liang Ze lembrou-lhe que já tinham preparado tudo, como ele poderia dizer que não deveria ir?! Hang Hang disse a si mesmo, eu realmente não sei por que eu deveria estar vindo! Basicamente, ele estava sendo forçado por Liang Ze a vir aqui =.=
Eles entraram no elevador para o oitavo andar, e então Liang Ze tocou a campainha.
Aquele que abriu a porta era um homem alto e refinado, com traços faciais atraentes. Hang Hang deu uma olhada no homem e estava certo de que este deveria ser o irmão mais velho de Liang Ze. Os irmãos compartilhavam os mesmos olhos únicos: brilhantes e penetrantes.
"Tio, como vai~~?", disse uma garotinha usando um adorável vestido vermelho com tranças retorcidas, foi a primeira a cumprimentar os dois.
"Oh minha Xiao Cui!" Liang Ze colocou tudo no chão e depois carregou a garotinha, "Oh. Você está ficando mais gordinha...”
"Por favor, entre," Liang Bin realmente não sabia o que dizer a Liang Ze, então ele moveu todos os itens no chão para fora do caminho.
"Deixe-me levá-los," Hang Hang colocou as sacolas em suas mãos sobre a mesa.
"Está tudo bem, está tudo bem, essa criança é impossível, apenas deixe-me fazê-lo." Liang Bin inclinou-se para pegar as sacolas.
"Irmão, esse é Hang Hang." Liang Ze segurou Xiao Cui e disse alegremente.
"Liang Bin." O irmão mais velho olhou para cima e estendeu a mão, "Olá".
"Olá", Hang Hang sorriu nervosamente.
Depois de puxar o cabelo de Liang Ze, Xiao Cui inclinou a cabeça e disse: "Tio, quem é esse tio?"
“Ele é o namorado do tio.
Zhong Yue Wen estava temperando a barriga de porco na cozinha, depois de ouvir isso, a colher imediatamente caiu de sua mão.
Hang Hang basicamente tinha se tornado esnobe, ele não sabia para onde olhar enquanto seus olhos continuavam se movendo da esquerda para direita...
Ele imediatamente avistou a moldura do chefe tribal.
Oh meu Deus, o irmão dele realmente o pendura?
Lembrou-se de ter ouvido Liang Ze mencionar esta foto antes...
Zhong Yue Wen saiu da cozinha e seu olhar imediatamente encontrou Hang Hang. Ela o estudou cuidadosamente enquanto olhava para ele de cima a baixo; Ele tinha um corpo magro com um olhar áspero que era diferente do de uma menina, características faciais únicas e era muito agradável aos olhos. No geral, sua aparência se reuniu com todos os padrões para um homem bonito.
Zhong Yue Wen olhou para Hang Hang por um longo tempo, de repente ela sentiu um pouco de pesar em seu coração. Um homem tão bonito... Mas como é que... Ele está junto com Liang Ze...
Hang Hang encontrou a senhora da casa olhando para ele, ele sentiu que, como o olhar continuou ele estava sendo lentamente preenchido com medo. Felizmente, Liang Ze falou a tempo, "cunhada, este é Hang Hang, Hang Hang, esta é minha cunhada."
"Olá," Hang Hang tinha um pouco de medo dessa senhora.
"Olá, olá, por favor, sente-se." Zhong Yue Wen foi tirada de sua linha de pensamento e rapidamente foi pegar o chá.
"Shuaige, sente-se aqui, sinta-se em casa." Liang Ze riu de todo o coração.
Hang Hang basicamente sentou-se em um estado instável. Ele não conseguia entender o pensamento dessa família em relação a seu relacionamento com Liang Ze. Não havia nenhum sinal óbvio de rejeição ou aceitação... Mas era... Estranho, muito estranho.
"Coma algumas sementes de melão." Liang Bin sentou-se no lado oposto do sofá.
"Sua família é budista?" Hang Hang pode sentir o cheiro da fragrância no ar no segundo em que atravessou a porta.
“Não, sempre que eu venho, a cunhada sempre queima incenso.” Liang Ze sorriu de orelha a orelha.
"É para afastar os maus espíritos." Zhong Yue Wen colocou uma xícara de chá na frente de Hang Hang, "é chá Pu-erh [2], você pode beber?"
[T/N2: chá Pu-erh é um chá fermentado. A produção deste tipo de chá envolve fermentação microbiana e oxidação das folhas de chá, depois de terem sido secas e laminadas]
"Eu te causei problemas", Hang Hang sentiu pena; a barriga de Zhong Yue Wen estava ficando muito grande.
"Não é nada importante, é algo que devo fazer. Beba um pouco de chá e coma alguma coisa." Ela olhou para Liang Bin e depois voltou para a cozinha.
"Irmão, como você tem estado?"
“Nada mau, como sempre.”
Os dois irmãos conversavam casualmente na frente de Hang Hang. O homem mais velho apenas ouvia, tentando não interromper. Xiao Cui ligou um canal de animação, assistindo enquanto comia seu lanche, ocasionalmente ela se virava para brincar com Liang Ze.
Já que Liang Ze estava acordado desde o início da manhã, ele continuou a bocejar e começou a ficar sonolento não muito tempo depois de Xiao Cui ter ido dormir. Liang Bin o deixou dormir no quarto das crianças; e foi assim que a sala ficou em silêncio, com apenas Liang Bin e Hang Hang.
Foi Liang Bin quem começou a falar, "Venha para a sala de estudo comigo por um momento?"
"Ah, ok." Hang Hang se levantou, pegou um pequeno cobertor no sofá e colocou sobre Xiao Cui.
A casa de Liang Bin é bastante grande, com um quarto principal, um quarto pequeno, uma sala de estudo e um quarto de criança. Hang Hang seguiu Liang Bin para a sala de estudo, que foi decorado num estilo único. De suas aparências externas, os dois irmãos não pareciam muito diferentes, mas era óbvio que suas personalidades eram. Há muitos livros nas estantes; A maioria deles são livros sobre negócios. Liang Ze disse que seu irmão mais velho está cuidando da empresa deixada por seus pais, que é muito bem gerida, então ele tende a ser ocupado o tempo todo.
Liang Bin viu que Hang Hang estava se sentando, então ele também se sentou, mas ainda não disse nada enquanto ele vasculhava as gavetas atrás de alguma coisa.
Hang Hang ficou quieto porque não sabia o que ele estava procurando.
Depois de um curto momento, Liang Bin tirou uma pilha de revistas, uma série de tamanhos grandes e pequenos com capas coloridas.
"Estes são o que ele escreveu, todos foram publicados." Liang Bin acendeu um cigarro, "Quer um?"
“Ah, não, obrigado.” Hang Hang estava completamente confuso e não entendia a intenção de Liang Bin.
"Não fumar é um bom hábito." Liang Bin sorriu suavemente.
Hang Hang só assentiu com a cabeça, sem saber o que mais deveria fazer.
“Dê uma olhada no que Liang Ze escreveu.”
"Eu já li, eles estão muito bem escritos."
"Você o acha uma pessoa muito singular... ou uma pessoa humanista?"
"Ah..." Hang Hang realmente não sabia de que tópico eles estavam falando agora.
“Amor Invisível.” Liang Bin bateu algumas cinzas, "ele escreveu muito bem."
Hang Hang observou enquanto a fumaça subia em uma nuvem e depois desaparecia no ar.
"Mas ele não tem absolutamente nenhuma ideia do que é o amor, ele entende como uma pessoa pode ficar junto com outra pessoa, sendo muito próximos um com o outro até a morte."
"O que você quer dizer?"
“Há quanto tempo vocês estão juntos?”
“Mais de meio ano.”
“Meu irmão falou sobre suas ex-namoradas?”
"Ele falou." Hang Hang olhou para Liang Bin, nem arrogante nem humilde.
"Ele disse que todas elas o deixaram, certo?"
"..."
"O problema está com ele." Liang Bin bateu o cigarro na borda do cinzeiro, "ele as machuca, mas ele, ele mesmo, não sabe".
Hang Hang não deu ouvidos.
"Eu disse a ele para não encontrar uma namorada, na verdade, eu quero o melhor para a menina."
"Você pode me dizer sem rodeios o que está em sua mente."
“Não quero ser hostil.” Liang Bin explicou. "Eu só quero esclarecer para você, minha esposa e eu não queremos ver... como eu digo isso? Nós não queremos vê-lo machucando outra pessoa." 
"Liang Ze não é assim", Hang Hang não entendia por que esse irmão mais velho estava dizendo algo assim sobre seu próprio irmãozinho.
"Meu irmão, eu sei que ele é uma boa pessoa, não é ruim, mas... você sabe que ele tem problemas para se socializar com outras pessoas."
"Não é assim", Hang Hang disse com certeza: "Eu pensei em nós, você..."
"Não, eu quero esclarecer este ponto, eu não estou dizendo isso porque é a você que eu me oponho." Liang Bin se certificou de enfatizar o "você" em seu discurso, "Eu só quero simplesmente dizer-lhe isso."
"Não há nada de errado com Liang Ze, é só que às vezes ele é um pouco infantil."
"Ele ignora as pessoas quando ele está ocupado, se ele diz que não vai vê-lo, ele não vai sequer vê-lo uma vez. Todo o dia ele continua a lamentar que ele está com fome, e seu quarto está sempre em um estado caótico que você pode nem conseguir encontrar o caminho para andar nele..." Liang Bin disse tudo isso de uma só vez, "ele sempre faz isso, certo?"
"Não exatamente." 
Liang Bin observou seriamente Hang Hang por um momento, "Bem, não vamos falar sobre isso, se ele não agir dessa forma, então isso é bom." Liang Bin não tinha certeza se seu irmão mudou ou não. No início, ele não aceitou o fato de que seu irmão tinha defeitos de personalidade, mas as namoradas de Liang Ze fugiram uma após a outra. A primeira vez, ele pode culpar a menina; a segunda, ele pode novamente dizer que a menina que estava errada. No entanto, se não fosse pela terceira pessoa que francamente lhe disse que o problema reside no irmãozinho, ele ainda estaria firmemente convencido de que a culpa era da garota mais uma vez. Liang Ze realmente não sabe o que é o amor, nem sequer tem a menor ideia desse sentimento. Ele pode escrever um monte de histórias de amor profundas e comoventes, mas ele nunca esteve apaixonado. Ele está sempre mandando nas mulheres, ele nunca tem qualquer tipo de reciprocidade em seu relacionamento. Para ele, as mulheres são pessoas que lavam a roupa e cozinham para ele com a adição de sexo; e nada mais. Ele só sabe como ganhar dinheiro e proporcionar às mulheres um estilo de vida luxuoso, mas seu coração nunca se abriu para ninguém. Para Liang Ze, parece que nesta vida ele só conhece os seus próprios benefícios e não vai amar ninguém, em geral para pedir-lhe para mostrar como amar é um grande problema para ele.
Portanto... é um homem na frente dele agora? Haverá alguma diferença?
Basicamente, Liang Bin havia desistido de todas as esperanças com Liang Ze. Ele acredita nessa vida, que seu irmãozinho faria o que quisesse, saía com amigos bons para nada e, se ele ficava irritado, ele se aconchegaria sozinho em seu quarto. Ele não iria para outras pessoas porque ele não iria querer fazê-las sentir-se triste. Mas agora... Seu irmãozinho trouxe de volta um ‘namorado’.
Liang Bin não disse nada mais; Hang Hang também manteve o silêncio. Nos olhos de Hang Hang, aquele Idiota é uma criança muito barulhenta, ele é alguém que facilmente deixa outras pessoas loucas e é alguém que faria algo imprevisível a qualquer momento. No entanto, Liang Ze é muito simples e de bom coração, na verdade, ele tem muitas características boas, e seus olhos são sempre tão brilhantes. Foi por isso que ele o escolheu. Ele nunca se arrependeria dessa decisão. Ele não entendia o que Liang Bin estava dizendo. O Idiota nunca o tratou daquela maneira, então ele deveria estar preocupado?
Pouco depois, Hang Hang descobriu que estava sendo muito ingênuo. Infelizmente, era tarde demais. 
*****
       Dryk - Comentários meus: na verdade Hang Hang está tão apaixonado que ainda não conseguiu enxergar os defeitos do Liang Ze. Na verdade, todos nós passamos por isso. Acredito que esse seja um dos primeiros estágios da paixão que é não perceber os defeitos do outro. Quanto aos defeitos falados pelo irmão do Liang Ze todos nós nos lembramos daquela vez onde o Liang Ze disse que ficaria “fora do mundo” durante um mês para se concentrar em seu manuscrito e ele realmente fez isso, ele ficou 15 dias sem dar notícia alguma até mesmo com os telefones desligados e foi o Hang Hang que o foi procura-lo primeiro.

3 Comentários

  1. Hehe, amo muito o LZ tbm, tão lindo.
    Obg Dryk e Lena.

    ResponderExcluir
  2. Eu ainda estou num dilema com essa novel. Agora a novel esta perto de chegar aonde a série parou nao vejo a hora de ver como tudo isso vai acabar mas prevejo muito sofrimento pela frente principalmente para o Hang Hang!! Vlw Dryk e Lena.

    ResponderExcluir