Oi pessoal!!!

Como estão? ^^ Hoje vamos nos atualizar em YDXJ e a relação de HH e LZ parece ficar cada vez mais maluca. hehe Ah! São dois capítulos! Yay! Então esperem o próximo, okay? (vou corrigir ainda XD)

Então vamos ler!

AVISO: ESTE CAPÍTULO CONTÉM SMUT / LEMON!!!

Lena.
Luo Yi Hang - Liang Ze
__________________________________________

Ato 17: Devendo um favor [18+].

Tradução: Dryk
Revisão: Lena

>Eu sou bonito: Ei, eu pensei sobre isso na noite passada, eu estava em desvantagem.
>Amor 123: ? O que isso significa?
>Eu sou bonito: Eu sou um homem muito viril e bonito como Pan An [1]
[T/N1: poeta conhecido por ser muito bonito. Para saber mais, leia no fim do texto.]
>Amor 123: Pare ai. Estou ficando vermelho aqui.
>Eu sou bonito: Você está bem, você ficou vermelho, você está com febre?
>Amor 123: ...
>Eu sou bonito: Shuaige, escute até que eu termine.
>Amor 123: Continue, estou apenas corando.
>Eu sou bonito: Eu não sou apenas bonito e viril, eu também sou um solteiro diamante. 
>Amor 123: *Levanta a mão para falar*.
>Eu sou bonito: Vá em frente.
>Amor 123: Eu discordo com a declaração de solteiro diamante, é muito enganadora.
>Eu sou bonito: Bem, vamos tirar a descrição do solteiro diamante.
>Amor 123: Ótimo, obrigado.
>Eu sou bonito: Em suma, o que quero dizer aqui é que eu sou um homem forte!
>Amor 123: Bem, qual é a sua conclusão?
>Eu sou bonito: Eu não deveria estar sendo montado por você.
>Amor 123: Seu corpo é muito flexível =.= É uma realidade imutável, como você quer contornar isso? 1
>Eu sou bonito: Eu acho que com minha condição, eu sou tão bom quanto você, por isso eu não devia ser a sua esposinha!
>Amor 123: Indiscutível que você pode fazer essa análise lógica. Mas!
>Eu sou bonito: Mas o que?
>Amor 123: Eu me sacrifiquei e me entreguei a você, como se você fosse o meu homem bem merecido.
>Eu sou bonito: Faça uma pausa bem ai. O que você quer dizer com entregar-se a mim?
>Amor 123: Agora, é o que é, há mais alguém disposto a acompanhá-lo até a velhice?
>Eu sou bonito: ... Não.
>Amor 123: Por que isso?
>Eu sou bonito: (T.T) porque todas as mulheres estão discriminando contra mim, todas me deixaram.
>Amor 123: E quanto aos outros homens com quem você se dá bem?
>Eu sou bonito: Aparentemente não ...
>Amor 123: Sério, agora estou repensando minha decisão de me sacrificar por você.
>Eu sou bonito: *Chora* Eu fui traído por mulheres toda a minha vida, meu irmão está tão irritado que ele não me deixa ter nenhuma namorada... E depois até o homem também me trai.
>Amor 123: Que vida boa você está levando! [N/T: sarcasmo XD]
>Eu sou bonito: Ha ha ha ha, é, minha vida é boa ...
>Amor 123: Aquela parte minha é tão boa quanto a parte de uma mulher, certo. [N/T: HH quer dizer que mesmo ele sendo homem, LZ consegue sentir prazer com ele.]
>Eu sou bonito: Exatamente! Shuaige, você é um bom homem com dedicação altruísta, e pede um momento de alegria... Ah, Shuaige, sou indigno de você!
>Amor 123: O que você está dizendo =.= Você é muito adorável e sempre traz um sorriso para a vida.
>Eu sou bonito: Mesmo?
>Amor 123: Mesmo!
>Eu sou bonito: Shuaige! Eu amo você!
>Amor 123: *tocado* eu também amo você ( _ )
>Eu sou bonito: Eu tenho que sair, eu vou lhe ver esta noite, *esfrega~* [N/T: *esfrega* como se LZ estivesse se esfregando em HH. Hahahah LZ, você é um gato? XD]
>Amor 123: Onde você vai?
>Eu sou bonito: Para a editora.
>Amor 123: Certo, lembre-se de vestir um casaco, não seja preguiçoso, está muito frio hoje.
>Eu sou bonito: Não precisa, é bom ser exposto ao selvagem!
>Amor 123: Coloque-o! É quase o fim do ano, não pegue uma gripe!
>Eu sou bonito: ok, eu estou indo agora.
Liang Ze desligou o laptop, agachou-se no sofá, acendeu um cigarro; quanto mais pensava nisso, mais parecia certo! Ele estava sendo exagerado! Não apenas o tipo normal de ser exagerado, mais como ser muito irracional! Ele até rosnou e atacou Lu Dongbin [2]! Shuaige é uma boa pessoa, vê? Ele mesmo se sacrificou pela justiça! Depois de muita deliberação, nesta vida, além de seu próprio irmão, Shuaige é o único a ser tão bom para ele, mas ele estava sendo tão irracional assim, isso foi demais da parte dele!
[T/N2: mordidas de cão em Lu Dongbin - provérbio chinês que significa não ser capaz de reconhecer um homem de bom coração. Lu Dongbin é um poeta taoísta.]
Isso lembrou Liang Ze de uma fábula que seu irmão mais velho costumava contar a ele quando ele era jovem. A história é sobre o machado de um lenhador que caiu no rio, o Deus do Rio veio e deu a ele os machados de ouro e prata, mas ele só queria o seu machado de ferro. Esta história ensina as pessoas a não serem muito gananciosas.
Oops, isso significa que ele violou um dos sete pecados mortais: ganancia!
Quanto mais pensava nisso, mais errado se sentia; Ele realmente queria apenas ir à loja e pedir desculpas, mas a editora estava em seu encalço, se ele não fosse na editora agora, eles iriam cortar a sua cabeça.
Vestiu-se, e deliberadamente pegou um casaco longo. Liang Ze saiu de sua casa.
Quando chegou à editora, eram quase quatro horas, o tempo hoje estava nublado e sombrio, ele se perguntou quando nevaria, de qualquer modo, também começou a escurecer logo.
Diretora Sun cumprimentou Liang Ze calorosamente e entregou-lhe uma xícara de café quente. Ela era uma mulher de cerca de 50 anos de idade, seu cabelo era de um tingido meticuloso, um pequeno par de óculos na ponta do nariz que só ajuda a salientar sua sabedoria.
"Xiao Liang ah, os editores olharam o seu manuscrito, tudo está bom até agora."
"Obvio! Eu coloquei muito esforço nele!" Liang Ze sorriu.
Diretora Sun olhou para Liang Ze e pensou consigo mesma, tudo bem, esse garoto realmente não sabe o que é ser modesto, no entanto, ela não disse isso em voz alta porque eles queriam submeter este romance para um prêmio literário. Eles haviam publicado tantos romances este ano, mas havia apenas alguns que eram considerados para um prêmio notável, mas se eles não fizessem um bom trabalho na preparação para este romance, isso causaria uma diminuição no número de livros sendo publicados por sua empresa no próximo ano. Não era como se eles não tivessem falhado uma ou duas vezes, mas ela apenas seguiria adiante e assumiria o risco de lançar um livro em uma competição assim, o que custa um monte de royalties. Mesmo que Liang Ze nunca tivesse tentado escrever novelas longas, suas histórias curtas são muito plausíveis, não muitas pessoas podem receber o "Prêmio das Cem Flores" na idade dele. Felizmente, eles o inscreveram bem a tempo! Mesmo que o romance possa receber o prêmio, a venda do romance sempre recebe um resultado oposto. Não é um problema preparar o romance para ganhar um prêmio, mas para que os leitores comprem o romance em si é outra história, um pouco difícil =.= Esse é o motivo dela tê-lo chamado hoje!
"Agora, há apenas um pequeno problema." A diretora Sun levantou a xícara, olhando para Liang Ze e sorrindo.
“Ah, qual é o problema? Por favor, me diga.”
"É que temos discutido entre nós que o seu livro é de alto valor literário, todos nós concordamos em indica-lo ao ‘Prêmio das Cem Flores’.”
“Ah, ótimo, isso é bom!”
"Mas existe..."
"Mas o que?"
"Em termos de distribuição, temos algumas considerações específicas."
"Como o quê?"
Neste momento, Liang Ze ouviu um som de salto alto vindo de suas costas, ele se virou para olhar, "Ah, por que é você?!"
A mulher que entrou na sala também estava surpresa, "É você?"
“Vocês dois se conhecem?” A diretora Sun levantou-se.
"Qual o seu nome?" A mulher franziu o cenho, tentando pensar em um nome.
“Também não me lembro do seu nome”. Liang Ze coçou a cabeça.
Diretora Sun ficou vacilando em que tipo de situação é esta? No entanto, ela ainda tentou apresentar...
“Liang Ze, esta é Xie Jin Yan, diretora de nosso departamento de distribuição, Jin Yan, este é Liang Ze, o autor de ‘Flor Invicta’”.
"Certo, certo, eu acabei de me lembrar." Xie Jin Yan sorriu, estendeu a mão querendo fazer um aperto de mão com Liang Ze, mas Liang Ze não se moveu um centímetro, só disse "Olá".
Ele ainda se lembrava do 419 de algumas semanas atrás, ele não só não se esqueceu dele como ainda lembrava vividamente do gosto dessa mulher, isso não é bom! Por que justamente agora? Ele agora tem uma esposa, oh, de jeito nenhum, isto... Não importa o quê, ele deve resolutamente resistir a este tipo de tentação.
Xie Jin Yan olhou para Liang Ze, a intuição de mulher dizendo-lhe que ele estava tentando resistir a ela, "Diretora Sun, pode-se dizer que Liang Ze e eu nos conhecemos, nós já nos encontramos uma vez", Xie Jin Yan deliberadamente enfatizou a palavra ‘encontrar’, "Vamos começar a nossa discussão?"
Os olhos da diretora Sun se moveram de um lado para o outro e ela entendeu imediatamente o que Xie Jin Yan quis dizer, e sem mais demora, ela deixou que ela assumisse o assunto. O tipo de mulher que Xie Jin Yan é, a diretora Sun sabe muito bem, se ela não tem uma boa habilidade de comunicação, é impossível para ela chegar a essa posição. Qual é a idade de Xie Jin Yan? Ela ainda nem tem trinta anos. Pensando assim, Diretora Sun olhou para Liang Ze, ele parece um grande menino inocente... Ah, todos os corvos são negros, especialmente este corvo que leva consigo o título literário honorável.
"Bom, bom, bom." A diretora Sun pensou assim enquanto seu rosto mostrava um grande sorriso, "então eu vou deixar os dois discutirem sozinhos."
Liang Ze e Xie Jin Yan foram deixados sozinhos na sala, Liang Ze começou a se sentir desconfortável. Da última vez que ele estava uma confusão, ele não pensou muito e acabou transando com ela, agora a outra pessoa vestindo decentemente roupas elegantes sentado na sua frente... Ele tinha que concordar, ela fica muito melhor com suas roupas da moda, acompanhada com o perfume doce, Liang Ze sentiu sua virilha querendo sair de suas calças. Este é um instinto masculino, quem não tem pensamentos sujos quando está de frente com uma mulher bonita? A menos que... Você seja um homossexual.
Quando a palavra "homossexual" apareceu em seu pensamento, Liang Ze sentiu como se estivesse sendo molhado com um balde de água fria --- Liang Ze, você é um babaca, você decidiu ficar junto com Shuaige, você deve aprender a ser um bom gay! 
Xie Jin Yan estava observando Liang Ze. Por sua expressão facial, ela adivinhou que ele estava lutando com sua mentalidade sobre algo difícil; No começo era uma expressão de luxúria e desejo, mas então... De repente mudou para o modo monge? 
"Mais cedo... Diretora Sun disse que o departamento de publicação quer reconsiderar alguns aspectos do romance."  Liang Ze acendeu um cigarro, tentando colocar sua mente em modo de negócios, falar de negócios ajudaria a colocar uma forte pressão sobre sua cabeça. Não importava o quanto seu desejo sexual o pressionasse, ele tinha que reprimi-lo!
"Ah, certo", a voz de Xie Jin Yan era de um lindo tom suave, "eu li Flor Invicta", é uma peça muito boa, mas em termos de distribuição, achamos que é um pouco séria demais. Do ponto de vista da audiência, acho que o romance não é apropriado... "
"Precisa mudar?" Liang Ze só queria terminar rapidamente essa conversa.
"Não, não há necessidade disso." Xie Jin Yan disse calmamente: "O ponto principal é a embalagem do livro, como o projeto da capa da novela, uma breve introdução e algumas especulações necessárias, para essas coisas, eu estou planejando..."
O que quer que tenha saído de Xie Jin Yan em seguida Liang Ze já não ouviu, seus olhos estavam fixos no chão; Um par de seios grandes, aquela pele lisa e branca e aquela genitália feminina molhada parecia ter substituído o chão. 
Liang Ze apenas respondia: sim, claro, isso é bom. Ele estava correndo para terminar a discussão, querendo se levantar e simplesmente sair. Xie Jin Yan se esticou e puxou Liang Ze pelo braço, Liang Ze reagiu em reflexo e gritou: "O que você está fazendo?!"
Desta vez, Xie Jin Yan se assustou de quase cair fora de seu assento.
"Desculpa." Liang Ze ajudou Xie Jin Yan, "a sua sugestão é muito boa, obrigado."
Xie Jin Yan olhou para Liang Ze que fugiu em vergonha.
***
Hang Hang passou a tarde inteira rindo sozinho, rindo do destino tortuoso entre ele e Liang Ze.
Honestamente falando, depois de uma experiência tão vergonhosa como a de ontem, ele não esperava que Liang Ze ainda falasse com ele normalmente no Wang Wang [N/T: nome do aplicativo] no dia seguinte como se nada tivesse acontecido, sem mencionar até discutir com ele sobre quem deveria estar por cima e quem deveria estar em baixo. No fim, era impossível pensar que ele o deixaria ser o ativo!
Tão gênio, aquele...
De qualquer forma, se ele era muito inteligente ou ele era muito estúpido em atingir seu objetivo -- ele o tinha convencido! Por enquanto, basta deixar Liang Ze acreditar nessa grande parte da verdade.
Mas...
Hang Hang estava rindo agora, mas ele se sentia tão vazio por dentro, talvez ele realmente não pudesse monopolizá-lo pelo resto de sua vida, certo? Sempre que aquele Idiota ‘percebesse’ alguma coisa, ele estaria sempre lá para colocá-lo de volta em sua concha? Seu plano só poderia funcionar duas ou três vezes, ele... não pode usar esse plano o tempo todo, certo?
Ao pensar até este ponto, outro problema surgiu espontaneamente -- uma vida.
Oh, Deus, Hang Hang sentiu como se fosse desmaiar, ele realmente pensava em estar com aquele Idiota pelo resto de sua vida!
Hang Hang tinha pensado que Liang Ze não podia ser tão ingênuo, mas a realidade tinha provado que o Idiota tinha tal habilidade (ser muito ingênuo para seu próprio bem) e, evidentemente, deixou-o ficar preso nessa armadilha.
Por que ele não pode se acostumar com isso (relação entre dois homens)?
Hang Hang estava perdido em seu próprio pensamento.
Por quê?
Porque ele não está acostumado a este tipo de relacionamento ainda? Ou é porque eu sou o ativo? Ou porque parece que ele não tem controle de todo esse desenvolvimento?
Não sei, não entendi, este é um beco sem saída. 1
Sua relação foi estabelecida, mas ele não sabia por que Liang Ze ainda não podia aceitar o amor.
Muito absurdo.
Liang Ze não veio para o jantar, ele disse que viria mais tarde hoje, mas não disse que horas.
Hang Hang estava olhando para o inventário da loja, tomando seu tempo para revisar tudo.
O negócio está indo muito bem neste último ano.
Olhando por cima da tela do seu laptop, Hang Hang viu uma silhueta de homem correndo para o pátio como se fosse uma equipe swat invadindo um esconderijo. Hang Hang tentou olhar mais de perto, mas essa silhueta já havia desaparecido.
É o Liang Ze?
Hang Hang caminhou até a porta e colocou a cabeça para fora para olhar. Ninguém!
Estou tão animado que eu estou tendo uma ilusão?
Pensando nisso, de repente o ruidoso toque de celular "ha ha ha" soou do seu bolso =.=
Isto deve ser coisa do Liang Ze, o seu toque, sua mensagem de notificação, foi substituído por um "ha ha ha".
No andar de cima, estou aqui em cima! 
O que?
Hang Hang se espantou, o que aconteceu?
Olhou para cima, as luzes não estavam acesas.
Tomou um momento para pensar, Hang Hang gritou para Hai Hong, "Hai Hong, olhe a loja, eu vou lá em cima."
“Ah, claro, e o inventário?”
"Não se preocupe com isso, apenas algumas coisas menores, nada importante."
"Oh ok." Hai Hong respondeu pesando os suprimentos.
Hang Hang lavou sua mão e subiu as escadas. Quando abriu a porta, foi recebido pela escuridão. Ficou ainda mais surpreso quando... Alguém o arrastou rudemente e o prendeu na parede. E então... o beijou apaixonadamente, era tão forte que o fez perder o fôlego.
Hang Hang estava tendo dificuldade em lidar com esta situação, Esse Idiota mudou de ideia? 
O Milagre do Século!
"Ah..." Hang Hang aproveitou uma oportunidade para respirar. O que há de errado com ele? Como ele pode se tornar tão apaixonado depois de tão pouco tempo! A loja ainda está funcionando lá embaixo! Só se lembra da realidade depois que a luxúria desapareceu? Uau, isso é forte demais!
Liang Ze não disse nada, ele deu em Hang Hang um beijo muito longo, quando eles finalmente se separaram, ele imediatamente tentou tirar a roupa de Hang Hang.
"Liang Ze.” Hang Hang o empurrou, Que criança ultrajante =.=
Liang Ze não parou, ele continuou a puxar as roupas de Hang Hang.
O casaco de Hang Hang logo estava sendo jogado no chão enquanto ele era empurrado de volta para a parede, ele podia sentir a parede gelada tocar sua pele o que ajudou a acender o fogo nele; O calor de Liang Ze e os lábios molhados beijaram ao longo de seu pescoço, para baixo em seu peito e indo para o sul até que Liang Ze se ajoelhou na frente dele; as mãos de Liang Ze tentavam abrir suas calças enquanto ele beijava ao longo de sua cintura.
O que é que ele quer?
Hang Hang finalmente reagiu com uma pergunta -- O que ele quer?
Me comer?
Esta ideia deu a Hang Hang arrepios por todo corpo.
Se ele usasse força lutando contra Liang Ze, ele seria derrotado rapidamente!
Não é boa ideia, fui eu que o transformei nisso? Eu lhe dei a ideia errada em algum momento??
Havia inúmeras possibilidades que surgiam na mente de Hang Hang agora, mas ele foi incapaz de descobrir a resposta certa para essa ação súbita.
"Frio?" Liang Ze tirou as calças de Hang Hang e se levantou.
"Você... quer transar?" Hang Hang fez essa pergunta enquanto também notou que eles dois estavam perfeitamente grudados um no outro...
Liang Ze beijou Hang Hang novamente, beijando-o sem parar sem querer que isso acabasse. Enquanto beijava Hang Hang, ele baixou suas próprias calças e colocou seu irmãozinho para fora de suas calças. Ele ainda continuava a beijar Hang Hang, o beijo se tornando ainda mais agressivo quando ele se apressou em tirar suas roupas. Quando ele ficou totalmente nu, Liang Ze viu que seu irmãozinho estava agora em pleno espírito e estava esfregando contra o irmãozinho de Hang Hang.
Liang Ze tinha conseguido incendiar o fogo em Hang Hang até seu nível máximo, mas Hang Hang não estava preparado para isso, ele (Hang Hang) o queria, mas ele não conseguia se livrar de sua própria barreira.
Liang Ze chupou o ombro de Hang Hang enquanto abria as pernas dele e se colocava entre elas. Uma macia cabeça de cogumelo molhada esfregou na parte interna da coxa de Hang Hang, uma esfrega após a outra.
"Liang Ze... saia de cima de mim..."
"Ajude-me..." A voz de Liang Ze estava particularmente baixa, tão suave como uma criança mimada. Suspiros intermitentes no ouvido de Hang Hang, mas Hang Hang não conseguia entender nada.
"O que?"
"Você não está sendo entusiástico..." Liang Ze mordeu Hang Hang, respirando rapidamente.
Agora Hang Hang podia ouvir claramente, Ele... está no cio? Estro [3] de inverno? Cio inexplicável?
[N/T3: Estro - um período recorrente de receptividade sexual e fertilidade em muitos mamíferos fêmeas; “cio” é uma forma de chamar o estro.]
"Você deveria me soltar primeiro, você está me esmagando, como eu vou te ajudar!"
Liang Ze empurrou Hang Hang para a cama, Hang Hang segurou no ombro de Liang Ze enquanto seu pesado corpo caiu sobre o colchão. Liang Ze deitou-se em cima de Hang Hang, ele rapidamente agarrou os cabelos de Hang Hang, empurrando-o para baixo, e então apressadamente empurrou sua masculinidade na boca de Hang Hang.
Aquela virilidade simplesmente fez seu caminho para a boca de Hang Hang não lhe dando tempo suficiente para ajustar a sua respiração.
A ânsia de Liang Ze tinha provocado Hang Hang, ele apenas desejava que ele pudesse simplesmente esmagar esse corpo em cima dele.
A respiração de Liang Ze estava rápida e pesada, suas mãos agarrando com força a cabeça de Hang Hang, não querendo soltá-la. Hang Hang apenas deixou a masculinidade de Liang Ze ter seu tempo com sua boca, enquanto tentava estender a mão para a gaveta de cabeceira. Ele bateu na luminária que caiu e quebrou em pedaços, mas ninguém se importou.
Pegando o lubrificante, Hang Hang espremeu uma boa quantidade em sua mão, e então moveu a mão para o corpo espalhado em cima dele, a ponta do seu dedo tocou o buraco apertado firmemente e empurrou lentamente o dedo para dentro, sondando o interior quente. Depois que a parede interior foi sondada algumas vezes, Liang Ze firmemente agarrou a cabeça de Hang Hang e, então, o estranho sabor adstringente se espalhou na boca Hang Hang.
Dentro de poucos segundos, Hang Hang imediatamente virou Liang Ze para baixo dele na cama e empurrou sua masculinidade no buraco apertado de Liang Ze, incapaz de resistir à tentação. Hang Hang pensou que ele iria quebrá-lo, mas ele era um cavalheiro, afinal. As pernas de Liang Ze ficaram entorpecidas devido à forte pressão de Hang Hang em suas coxas, ele rapidamente agarrou a mão de Hang Hang, querendo que ele diminuísse um pouco seu aperto mortal em seu músculo. Mas Hang Hang ignorou.
Liang Ze não aguentava mais, sua expressão intermitente dizendo a Hang Hang que suas pernas estavam entorpecidas.
Hang Hang segurou firmemente em Liang Ze, em seguida, puxou para fora, deitando Liang Ze de lado e depois investiu de volta na cavidade quente. Liang Ze não teve tempo de recuperar o fôlego e já estava sendo preenchido de novo. Esta intrusão repentina com fortes investidas estimulou Liang Ze enquanto Pequeno Liang Ze ficou duro novamente e pronto para outra rodada de explosão.
As pernas de Liang Ze engancharam na cintura de Hang Hang, tentando se adaptar à posição, enquanto sua mão se movia para baixo até sua virilha para dar prazer a si mesmo.
Hang Hang esperou o buraco de Liang Ze se acostumar com seu comprimento e então abriu mais as pernas de Liang Ze enquanto continuamente investia mais profundamente no solo sagrado.
Cada investida fazia Liang Ze gemer promiscuamente, sua mão ainda friccionando seu pênis para cima e para baixo.
Eles eram como duas cobras entrelaçadas uma com a outra até que ambos alcançaram seu feliz clímax.
Hang Hang gozou dentro do corpo de Liang Ze, ele se sentiu tão feliz e satisfeito. Liang Ze também atingiu o clímax, então ele encolheu-se em uma bola agarrando o travesseiro. Completamente satisfeito.
Os dois caíram num longo momento de silêncio até que o telefone de Hang Hang tocou alto. Hang Hang vagarosamente saiu da cama, revolvendo as roupas no chão. No identificador de chamadas era Hai Hong. Hang Hang pressionou desligar. E então rastejou de volta para a cama.
Liang Ze so ficou ali, deitado, sua mente completamente em branco. Ele estava pensando que estava como uma fera antes. Seu corpo estava sendo controlado pela luxúria imersa, seu cérebro foi fechado e o corpo apenas reagiu em seu instinto natural. Sem dúvida, aquela paixão foi acendida por Xie Jin Yan. Ele jurava que se ficasse naquele escritório por mais dez minutos, ele a teria "comido" ali mesmo naquele momento. Isso o fez se sentir muito envergonhado, ele não era diferente de animais por ter relações sexuais sem amor. Sua vergonha o fez se sentir tão sujo, porque ele nem acendeu as luzes, ele quase fez com Hang Hang a força, e também... quando ele segurou firme nos cabelos de Hang Hang, ele o imaginou como sendo uma mulher. Era por isso que ele estava tão excitado, estava tão fanático. Sem dúvida, este era o maior insulto para Hang Hang. 6
Uma mão tocou o cabelo de Liang Ze: "Descanse um pouco, não se mova, durma se estiver cansado, preciso sair um pouco." Hang Hang disse enquanto beijava gentilmente as costas de Liang Ze, "Eu fiz com muita força?" 1
Liang Ze respondeu imediatamente sem pensar: "Não".
"Você deve estar muito cansado, durma." Hang Hang saiu da cama, sua visão agora estava acostumada à escuridão, enquanto ele vestia casualmente suas roupas e depois saiu.
Quando ele desceu dois degraus, Hang Hang lembrou de repente que Liang Ze talvez não pudesse alcançar o cigarro. Ele voltou e entrou no quarto, tirou um pacote de cigarro das calças de Liang Ze e jogou para ele. “Não saia da cama, eu vou limpar quando voltar."
Hang Hang estava muito satisfeito, não apenas uma satisfação física normal, era mais uma satisfação psicológica. Esse idiota finalmente aceitou, embora ainda haja um longo caminho a percorrer, mas pelo menos Liang Ze estava tendo prazer ao fazer sexo com ele, esta é uma grande melhora. Ao mesmo tempo, Hang Hang entendeu que Liang Ze estava se movendo passo a passo em aceitar o seu relacionamento, isso fez Hang Hang se sentir muito feliz. 9
Liang Zé esperou Hang Hang sair, então se levantou para acender um cigarro. Seu corpo parecia completamente dormente, ele se inclinou para trás sobre a almofada, e observou a luz da lua que brilhava pelos pedaços de vidro quebrado [N/T: da luminária que HH quebrou]
Shakespeare disse: Um mentiroso bem-sucedido não precisa mentir para viver porque as pessoas que estão sendo enganadas por ele serão seus apoiadores, ele não precisa fazer nada.
Ele também disse: As pessoas podem controlar seu próprio destino, se deixarmos o destino controlar nossa sorte, então o erro não está no destino, mas em nós mesmos.
Liang Ze, pela primeira vez, se sentiu tão devastado. 
_______________________________
Nota de Tradução:
[1] Pan Yue ou Pan An, foi um famoso poeta chinês da Dinastia Ocidental Jin. Conhecido por ser um dos quatro homens mais bonitos da China. No Livro de Jin, há essa passagem escrita sobre ele: “(Pan) Yue era bonito em aparência e atitude... Quando ele era jovem, ele caminha com frequência por Luoyang segurando um estilingue debaixo do braço. As mulheres que o encontravam, rodeavam-no pelas mãos e jogavam frutas em sua carruagem, então, quando ele voltava, a carruagem dele estava cheia de frutas.”
 Algumas imagens de como Pan Yue teria sido. *____*


6 Comentários

  1. Liang Ze. ...... T.T mds isso não vai dar certo, não entendo onde isso vai chegar, está óbvio que ele se força a ser gay

    ResponderExcluir
  2. Tudo dando errado, LZ vc precisa contar q não ta rolando...

    ResponderExcluir
  3. eu acho que não se pode forcar uma pessoa a virar gay, ou é ou não é, não é algo que se aprende ou que se acostume, se não é. não é e pronto.Obrigado!!

    ResponderExcluir
  4. Eu fiquei triste com a série. Mas a novel tá me deixando depressivo.
    Desde o começo que não dá certo, pra que insistir? ;(

    ResponderExcluir
  5. Obrigada!! Fiquei triste com a série mais a novel está m dando esperanças:)!! Espero não ser desapontada!; ( bjss Lena! Trabalho incrível!! : 3

    ResponderExcluir