Oi gente!!!!

Uma boa semana para todos! ^^ Ontem não pude postar nada porque, infelizmente, não teve atualização de Addicted... T^T  E esse fim de semana tive pouco tempo para traduzir outras coisas também.

MAS vamos à estréia de Counterattack! Yay!!!! \o/ Prontos?

Lena.
_________________________________________________________________________________


Cap. 1- Vamos terminar.



"Ache um bom lugar e me espere lá. Estou indo buscar você!"

Wu Qiqiong desligou o telefone, enxugou suas mãos com um pedaço de pano e foi alegremente para o seu quarto trocar de roupas.

"Ela está vindo?" A mãe de Wu Qiqiong correu atrás dele e perguntou.

Wu Qiqiong usou suas mãos ásperas puxando sua camisa, ele olhou para sua mãe com olhos brilhantes, incapaz de esconder seu largo sorriso. 

"Está vindo"

Hoje sua namorada iria conhecer sua mãe pela primeira vez.

O sol estava alto no céu e as cigarras cantavam barulhentamente. Tinha uma enorme lata de lixo não muito distante de sua casa. Assim que se aproximava desta época do ano, ela emitia um forte cheiro rançoso que era soprado para a cozinha de cada casa. Wu Qiqiong passou pela lata de lixo e uma embalagem de picolé ficou presa ao seu sapato. Ele grosseiramente pisoteou e esfregou o sapato no chão, fazendo milhares de moscas dispersarem imediatamente. 

Yue Yue esperava na entrada da ruela com um olhar ansioso e impaciente. 

Ao ver Wu Qiqiong vindo em sua direção, Yue Yue não pôde deixar de sentir uma sensação de desgosto. Ela não sabia dizer se era porque ela vira a camada de gordura pendurada em volta da barriga dele, ou por causa dos dois fios de cabelo despontando de sua cabeça, ou talvez porque ela viu seu rosto oleoso coberto de fuligem.

"Vamos, a comida ficará pronta em breve." disse Wu Qiqiong pegando uma das mãos dela.

Yue Yue de repente puxou sua mão de volta. Seu rosto estava escondido pelas sombras. Seus olhos estavam frios. 

"O que foi? Você está nervosa?" Wu Qiqiong provocou, sorrindo calorosamente. "Não se preocupe. Minha mãe é do interior, ela não fará as coisas difíceis para você. Ela ficou muito feliz quando soube que viria. Ela tem antecipado esse momento há dois dias e ela até saiu cedo essa manhã para fazer compras."

"Por que não... terminamos!" disse Yue Yue.

Wu Qiqiong pensou ter ouvido mal. Ele olhou diretamente para ela e por um longo tempo não disse nada.

Yue Yue continuou, "Está ficando muito chato com a gente assim."

"Como pode ser chato? Eu me sinto bem revigorado!"

Yue Yue sorriu amargamente, "Só você."

Dito isso, ela se virou para sair, mas Wu Qiqiong imediatamente agarrou a mão dela.

"Yue Yue, estamos juntos há 7 anos. Você não pode dizer algo assim. Pelo menos me dê uma razão para isso."

Yue Yue olhou para ele de soslaio. " 'Crise dos sete anos' vale como uma razão?" 

"Nós podemos resolver isso!"

"Resolver o caralho!" Yue Yue explodiu sem razão. Seus delicados lábios cuspiram venenos. "Deixa eu lhe dizer uma coisa. Pare com essas conversas insolentes, eu não tenho tempo para brincar com você. De agora em diante, nós terminamos oficialmente. Somos amigos agora." 

"Temos tido bons momentos até agora, como podemos terminar assim?" Wu Qiqiong ainda tentava salvar seu relacionamento com todas as suas forças. "Me diga que parte de mim é horrível? Eu posso mudar."

Yue Yue rolou os olhos com irritação. "Qual parte não é boa? Deseje nascer de novo!"

Wu Qiqiong, recusando-se a ceder facilmente, disse "Não acredito nisso."

"Você não acredita em mim? Você tem alguma razão para não acreditar em minhas palavras?" O belo rosto de Yue Yue estava coberto por um rubor devido à sua raiva. "Eu não disse nada para manter seu orgulho, mas você ainda perguntou. Já que você nunca tem vergonha, hoje vou lhe dizer sobre isso."

Wu Qiqiong ouviu cuidadosamente, sincero para mudar.

Yue Yue respirou fundo, apontou para seu queixo duplo e disse, "Me diga, no tempo que estamos juntos, quanto peso você ganhou? Você era tão magro nos tempos de calouro! Tão sarado! E olhe só pra você agora, afundando cada vez mais no chão a cada passo que dá. Eu sinto como se estivesse segurando um Mastim Tibetano quando saio para fazer compras com você."

Wu Qiqiong sentiu-se injustiçado, "Você não disse que se sentia insegura com homens magros?"

"Sim, foi o que eu disse." Yue Yue cuspiu ofensas jogando a bolsa no chão. "Agora estou segura pra caralho, certo? Tão segura que não posso evitar de chorar. Você sabia? Ultimamente, eu venho sonhando que temos uma terceira pessoa entre nós e eu rio toda vez que acordo."

8 Comentários

  1. Ah triste por addicted mas feliz por CA uhhuu
    Obrigada pelo trabalho 😙

    ResponderExcluir
  2. Waaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa....
    Lenaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa...
    (acho que vou vicar rouco depois desse grito)
    Eu te amoooooo... Realmente te amo...
    <3 <3 <3

    ResponderExcluir
  3. AAAAAAAAAAAAAAAAAAH *-*

    muitoo obrigada pelo seu maravilho trabalho

    ResponderExcluir
  4. Lena, vc merece todo nosso amr... My God... 10 cap, ai meu kokoro..
    Nossa! Essa novel ja começou quente, que guria educadinha.

    ResponderExcluir
  5. Termino de ver essa série maravilhosa, venho ler addcted e me deparo com isso.
    Gritando horrores Obrigada por me fazer mais feliz e pelo seu trabalho duro continue assim.
    ps: o nome dele não é diferente do dá série?

    ResponderExcluir
  6. Oie. Finalmente cheguei. Tava lendo outras coisas, mas agora como já tem uns bons capítulos, vamos ler esse agora. Aeaeae.
    Cara, a gente pode odiar a Yue Yue? Cara, quem termi a assim com um cara depois de sete anos e por fazer o que ela queria... tsc tsc tsc.
    Por isso que eu falo, antes de fazer qualquer coisa para outra pessoa, deveria pensar primeiramente em si mesmo. Se amar primeiro para depois amar o próximo.
    Será que vamos ver isso?
    Lena, obrigada pela tradução. Indo para o próximo.
    Xo

    ResponderExcluir